GNA HUAWEI introduces huge storage, stellar audio setup Y6s smartphone GNA NPP’s number one position is a step forward- Veep GNA ARB Apex Bank opens branch in Koforidua ANP Dr Abdallah Souleymane candidat investi par le parti ‘’Niger en Avant’’ candidat aux élections présidentielles 2020-2021. ANP Fin à Zinder de l’atelier de sensibilisation des Médias sur la participation politique des femmes ANGOP Covid-19: Angola regista 197 novas infecções GNA Eastern Regional NABCO trainees celebrate two years of working GNA I wish you die in prison-Judge to convict who defiled his two-year-old granddaughter GNA Cocoa Management System is an innovation for smooth implementation of Cocoa Farmers’ Pension Scheme -Veep AIP Côte d’Ivoire: COMMUNIQUE DU MINISTERE DE LA SANTE ET DE L’HYGIENE PUBLIQUE

Angola: FMI sobe ajuda para USD 4,5 mil milhões


  17 Septembre      12        Economie (10056),

   

Luanda,17 de Setembro (ANGOP) – O Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovou, na quarta-feira,16, o pedido de Angola para o aumento da assistência financeira, e desembolsou, de imediato, mil milhões de dólares norte-americanos.

Com esta medida, eleva-se o total do programa de assistência para quase USD 4,5 mil milhões, aponta um comunicado deste órgão financeiro.

Conforme o fundo, esta terceira avaliação positiva da ajuda financeira é dada ao abrigo da Linha de Financiamento Ampliada (Extended Fund Facility, no original em inglês).

A mesma permite o desembolso de USD mais mil milhões, perfazendo cerca de 2,5 mil milhões de dólares já entregues desde a assinatura do acordo, em 7 de Dezembro de 2018.

O acordo visa « restaurar a sustentabilidade externa e orçamental, melhorar a governação e diversificar a economia, para promover o crescimento económico sustentável, liderado pelo sector privado », explica o FMI.

O FMI refere, por outro lado, que « a economia de Angola foi duramente atingida por um choque multifacetado com origem na pandemia da Covid-19 e no declínio dos preços do petróleo ».

Saúda as medidas atempadas adoptadas pelas autoridades do país, para lidar com os desafios, sublinhando que « continuam firmemente empenhadas no cumprimento do programa.

Na conclusão da terceira avaliação, o Fundo avaliou também o pedido das autoridades para reforçar o empréstimo em 765 milhões de dólares, que eleva o total para 4.465 milhões.

Dans la même catégorie