APS THIÉNABA : DES ’’ÉTUDES SONT EN COURS’’ POUR L’ÉLECTRIFICATION DU VILLAGE DE THIOTY (DG SENELEC) AIP Communiqué du Ministère de la Santé et de l’Hygiène Publique « Point de la situation de la COVID-19 au 23/10/2020 » AIP Côte d’Ivoire-AIP/Présidentielle 2020 : L’UE appelle les acteurs politiques ivoiriens à accélérer le dialogue MAP Guinée/présidentielle : 5 morts dans des violences post-électorales AGP Gabon: Reprise progressive des activités de la Société des bois de Lastourville ANP Niger : Les nouveaux membres du Comité Scientifique du CNRA se présentent au Premier Ministre ANP DIFFA : Cérémonie de présentation de semences améliorées produites par l’ONG WHH AGP Gabon : Evolution de la crise sanitaire, Task force et actualité international au menu du point de presse du Porte-parole de la Présidence APS DEUX PIROGUES DE MIGRANTS CLANDESTINS INTERCEPTÉES CE VENDREDI, AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Le CEECI et plusieurs organisations estudiantines rendent hommage à Alassane Ouattara à l’UAO de Bouaké

Artesã Mizé Varela prepara lançamento da sua mais nova colecção intitulada “Siza de Karapati”


  12 Octobre      13        Arts & Cultures (1248),

   

Cidade da Praia, 12 Out (Inforpress) –  A jovem artesã, Mizé Varela, dona da marca “Mizé Acessórios” prepara para o dia 16 do corrente mês, o lançamento da sua mais nova colecção intitulada “Siza de Karapati”.

Em declarações à Inforpress, Mize Varela disse que está a preparar o lançamento do seu mais novo trabalho denominado “Siza de Karapati”, num evento que acontecerá na próxima sexta-feira, 16, pelas 18:00 no restaurante “Linha d’Água” na Prainha.

“A coleção de ‘Siza de karapati’ é uma criação que surgiu por causa de uma teimosia minha, sabendo que o material que estou a utilizar para trabalhar é um material que é utilizado para a construção civil, e nos meios domésticos. No entanto, pensei fazer uma mala de linhas, todas com a corda de sisal, que em crioulo de Santiago é designada por corda de “Karapati”, explicou a artesã.

De acordo ainda com Mizé Varela, ela decidiu intitular seu trabalho de “Siza de Karapati” porque Siza representa uma “mulher cabo-verdiana trabalhadeira” na cuja pele ela própria se sente identificada, e “karapati” por ser uma planta que não é preciso ser cuidada para se desenvolver, pois, ela cresce no seu habitat natural e desenvolve-se à sua maneira, sendo ela uma espécie resiliente.

Porém, a artesã diz se sentir também identificada com a planta porque ao longo do seu percurso no mundo da arte, teve vários obstáculos pela frente, mas nunca desistiu.

Conforme as suas palavras, começou no mundo artístico em 2015, através de uma brincadeira quando estudava o primeiro ano da sua licenciatura, e já nessa altura fazia os seus acessórios para o uso próprio, mas com o tempo os colegas começaram a gostar e passaram a encomendar peças.

“Dai em diante comecei a vender e reparei que com isso estava a obter algum rendimento lucrativo. Como recebia muitas encomendas, continuei a produzir e a vender e desde então nunca mais parei de fazer o meu trabalho” revelou.

A artesã diz ter adotado o nome da sua marca de “Mizé Acessórios” porque começou primeiro a trabalhar com peças de colares, depois produziu brincos, pulseiras e agora está a preparar bolsas.

“já trabalhei com vários materiais, no início utilizava cordas para confeccionar colares, depois passei a utilizar linhas de lã para fazer brincos “pom pom”, depois trabalhei também com os tecidos africanos e neste momento estou a trabalhar com corda de sisal (korda di karapati em crioulo de Santiago), realçou.

Mizé Varela diz ter participado em vários desfiles e feiras de artesanato, no entanto, devido à pandemia da covid-19 a produção no atelier “Mize Acessórios” esteve parada durante algum tempo, mas que aos poucos estão a voltar à normalidade.

“Quando percebi que o meu trabalho estava a dar rendimento, logo comecei a investir e agora é disso que eu vivo”, frisou, realçando, contudo, que apesar de realizar outros trabalhos, na realidade o que lhe sustenta de momento é a produção dos acessórios, embora com a situação actual da pandemia as vendas tenham caído um pouco.

Dans la même catégorie