AIP La Côte d’Ivoire, la RCA et le Burkina Faso peaufinent le démarrage des activités du projet MACOWECA AIP Les cours ont effectivement repris ce lundi à Tengrela AIP Des universitaires nationaux planchent sur un plan stratégique d’orientation pour l’élaboration d’un contrat de performance Inforpress Futebol/Santiago Sul: Celtic e Académica disputam esta quarta-feira a final da Taça Praia Inforpress Cabo Verde acolhe em Novembro o 41º Fórum Mundial dos Parlamentares para a Acção Global Inforpress Juventude em Marcha/35 anos: Líder enaltece papel do grupo na afirmação do teatro cabo-verdiano a nível internacional GNA GRA Fails to Meet Revenue Targets for 2018 GNA Chiringa wins Inter-Platoon RCC59 Boxing competition GNA Participate in the decision-making process, NCCE urges youth APS POUR LA PROMOTION DE LA QUALITÉ DANS LES INVESTISSEMENTS AGRICOLES

BCV prevê sinais de recuperação da actividade económica em Cabo Verde entre 3,5 a 4,5 por cento em 2018


  18 Avril      77        Economie (22913), Finance (3737), Photos (20694),

   

Cidade da Praia, 18Abr (Inforpress) – As projecções do Relatório de Política Monetária do Banco de Cabo Verde (BCV), divulgadas hoje, prevêem sinais de recuperação da actividade económica em Cabo Verde entre 3,5 e 4,5 por cento em 2018.
De acordo com as projecções do BCV, esta perspectiva do crescimento real do produto interno bruto, acontece depois de ter crescido perto de 4% nos últimos dois anos, ou seja, o “ritmo mais acelerado desde 2011”, conforme a instituições, sem esquecer a “significativa recuperação do investimento directo estrangeiro” e o aumento mais acelerado das despesas orçamentais.
O banco central justifica que os efeitos desfasados de um crescimento maior que o antecipado do crédito à economia em 2017 e o cenário de uma performance melhor que a perspectivada em Setembro de 2017 do contexto externo, levaram a uma actualização em alta das expectativas do crescimento económico para 2018.
O relatório revelou que a formação bruta de capital fixo deverá sustentar em larga medida o crescimento em 2018, traduzindo as expectativas de um crescimento mais acelerado tanto do investimento privado como do investimento público, sendo que o consumo público deverá crescer a um ritmo mais acelerado, suportado pelo aumento da massa salarial e pelas perspectivas de maior aquisição de bens e serviços a terceiros.
DR/JMV
Inforpress/Fim

Dans la même catégorie