AIP Côte d’Ivoire/JIF 2019 dans le Bounkani: D’importants dons offerts aux groupements féminins AIP Un nouveau bureau MCC chargé de l’égalité entre les genres ouvert en Côte d’Ivoire AIP Côte d’Ivoire/ Deux monuments en construction pour embellir Touba AGP Le Maroc sollicité pour la mise en place d’un Institut supérieur de formation agricole au Gabon AIP Côte d’Ivoire/ Un atelier sur le droit communautaire UEMOA à Abidjan AIP Côte d’Ivoire/ Des séances de dépistage du cancer du col de l’utérus à Yamoussoukro Inforpress Moradores de Cidadela vão pedir na justiça suspensão das actividades do posto de combustível da Enacol Inforpress Bolsa de Acesso à Cultura vai financiar mais 70 escolas e associações a nível nacional Inforpress Porto Novo: Rede de água contempla centena de famílias em Lombo Figueira, Ribeirão Fundo e Água das Caldeiras AIP La Première dame de Côte d’Ivoire appelle à l’accélération des réformes pour le développement du secteur privé et la promotion de l’entrepreneuriat féminin

Cabo Verde acolhe em Novembro o 41º Fórum Mundial dos Parlamentares para a Acção Global


  25 Mars      12        Société (48381),

   

Cidade da Praia, 25 Mar. (Inforpress) – Cabo Verde acolhe em Novembro deste ano o 41º Fórum Mundial dos Parlamentares para a Acção Global (PGA), reunindo deputados de todo o mundo para uma discussão de assuntos relacionados com a defesa da democracia e protecção dos oceanos.
A informação foi avançada hoje pelo secretário-geral desta que é considerada a maior rede internacional não-governamental e multipartidária, o deputado David Donat-Cattin, que se encontra na Cidade da Praia para formalizar o convite ao presidente da Assembleia Nacional de Cabo Verde e inteirar-se das condições logísticas para acolher o evento.
“O evento vai reunir deputados de todo o mundo. Uma parte do evento vai ser dedicada ao tema relacionado com a protecção dos direitos humanos, democracia e Estado de direito e um dia será dedicado à protecção dos oceanos e luta contra a pesca ilegal que afecta muito os interesses dos países pequenos e ilhas como Cabo Verde”, disse.
Depois de reunir-se esta manhã com o chefe da casa parlamentar, Jorge Santos, e visitar as instalações da Assembleia Nacional, David Donat-Cattin disse que as condições logísticas são boas.
“Esta Assembleia é moderna, tem muitas capacidades, as logísticas estão em linha com o standard internacional e pensamos que não há problemas a nível organizativo”, disse, indicando que a delegação vai encontrar-se ainda com a União Europeia, o PNUD, o Governo e outros actores sociais no sentido de os envolver também na organização dessa grande conferência”, disse.
De acordo com o secretário-geral do grupo dos PGA, a escolha de Cabo Verde para acolher esse evento deve-se ao facto de este ser um país “efectivamente democrático” e também devido à sua localização geo-estratégica.

Dans la même catégorie