GNA Major Mahama: My brother was not among the alleged ‘killers’-witness GNA Government Committed to Building Educational Infrastructure- MCE GNA IYes Foundation donates to Lil Win’s GMIS ACP Visite de travail à Kinshasa du secrétaire général de FICR ACP Le gouvernement appelé à créer un écosystème entrepreneurial incitatif pour les jeunes entrepreneurs ACP Eugène Diomi Ndongala libéré sous conditions GNA Vodafone Ghana launches 4G to provide faster data services GNA Ghana’s macroeconomic outlook better than five years ago – IMF GNA Environmental disaster crawling into UWR « As you sow, so shall you reap » AIP Salon du livre de Paris 2019 : La Côte d’Ivoire explique l’absence du stand Pavillon des lettres d’Afrique

Cerca de 1,6 milhões de contos já foram investidos no projecto da TDT em Cabo Verde


  11 Avril      44        Société (47675), Téchnologie (905),

   

Praia  – Cerca de 1,6 milhões de contos é o montante que já foi investido no projecto de transição da Televisão Analógica para a Televisão Digital Terrestre (TDT), que culminou hoje com a inauguração da sede da Cabo Verde BroadCast (CVB).

A informação foi avançada pelo ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente, na cerimónia de inauguração que serviu também para a apresentação dos membros dos órgãos sociais dessa empresa com capital exclusivamente público e que terá a responsabilidade de gestão e exploração do sistema TDT.

De acordo com o governante a transição da TDT caracteriza-se como sendo um projecto estruturante do Estado de Cabo verde, não só para fomentar o desenvolvimento do sector audiovisual, mas também para a massificação do acesso à informação de uma forma geral.

“Configura um investimento de 1,6 milhões de contos e tem por objectivo proporcionar aos cabo-verdianos serviços melhorados de televisão com melhor qualidade áudio e imagem como forma de garantir a libertação do espetro radioeléctrico para a introdução de novos serviços no mercado nacional, como é o caso das comunicações moveis da geração 4G”, explicou Abraão Vicente.

Neste momento Cabo Verde já tem uma cobertura do TDT que ronda os 75% do país, em fase experimental, e o conselho de administração da Cabo Verde Broadcast tem um prazo até ao final do mês para entregar ao Governo um cronograma definitivo para o fecho das emissões analógicas.

MJB/FP

Dans la même catégorie