APS THIÈS : LES VOYAGISTES PRIVÉS PRÊTS POUR LE HAJJ (COORDONNATEUR) APS UNE ASSOCIATION VEUT PUBLIER UNE BANDE DESSINÉE SUR LES PROBLÈMES ENVIRONNEMENTAUX APS HAJJ : LA DÉLÉGATION GÉNÉRALE AU PÈLERINAGE RENCONTRE LES VOYAGISTES ET DES PÈLERINS DE THIÈS MAP Le Maroc, un partenaire de référence pour l’Andalousie (président du gouvernement andalou) GNA ‘Karela players are aiming at historical achievement’ – Alagidede ACI LA MAIRIE DE BACONGO ORGANISE «UN VILLAGE RÉCRÉATION » EN JUILLET PROCHAIN ACI CONGO: NÉCESSITE DE CRÉER LE TITRE HONORIS CAUSA A UNIVERSITÉ MARIEN NGOUABI GNA Togbe Afede to bury mother June 29 GNA Petroleum Commission secures training for Ghanaian students in Canada GNA NDC Activist calls for fairness in employment opportunities

Cerca de 1,6 milhões de contos já foram investidos no projecto da TDT em Cabo Verde


  11 Avril      51        Société (49689), Téchnologie (943),

   

Praia  – Cerca de 1,6 milhões de contos é o montante que já foi investido no projecto de transição da Televisão Analógica para a Televisão Digital Terrestre (TDT), que culminou hoje com a inauguração da sede da Cabo Verde BroadCast (CVB).

A informação foi avançada pelo ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente, na cerimónia de inauguração que serviu também para a apresentação dos membros dos órgãos sociais dessa empresa com capital exclusivamente público e que terá a responsabilidade de gestão e exploração do sistema TDT.

De acordo com o governante a transição da TDT caracteriza-se como sendo um projecto estruturante do Estado de Cabo verde, não só para fomentar o desenvolvimento do sector audiovisual, mas também para a massificação do acesso à informação de uma forma geral.

“Configura um investimento de 1,6 milhões de contos e tem por objectivo proporcionar aos cabo-verdianos serviços melhorados de televisão com melhor qualidade áudio e imagem como forma de garantir a libertação do espetro radioeléctrico para a introdução de novos serviços no mercado nacional, como é o caso das comunicações moveis da geração 4G”, explicou Abraão Vicente.

Neste momento Cabo Verde já tem uma cobertura do TDT que ronda os 75% do país, em fase experimental, e o conselho de administração da Cabo Verde Broadcast tem um prazo até ao final do mês para entregar ao Governo um cronograma definitivo para o fecho das emissões analógicas.

MJB/FP

Dans la même catégorie