APS Les Lions peuvent être fiers de leur parcours ,selon Kalidou Koulibaly APS Oumar Pène reçoit le ‘’Prix de l’Excellence’’ de la CEDEAO pour son ‘’engagement’’ APS Plus de 250 milliards de francs CFA alloués au Développement communautaire et à la Solidarité nationale ANP Table ronde de Paris de financement du PDES : Le Niger compte mobiliser plus 10.670 milliards FCFA ANP Le Niger mobilise ses partenaires pour le financement du PDES AIP Un terrain de sport rénové et équipé mis à la disposition de l’orphelinat de Grand-Bassam AIP Point de la situation de la COVID-19 : un seul cas enregistré le 4 décembre 2022 AIP REVUE DE PRESSE : L’appel de la CEDEAO aux autorités maliennes pour la libération des 46 soldats ivoiriens principal sujet à la Une des journaux AIP Le Qatar confirme sa présence à la CAN à Abidjan AIP Les juristes d’entreprise annoncent des journées de promotion de leur métier à Abidjan

Cooperação/“China vai continuar a apoiar o desenvolvimento socio-económico da Guiné-Bissau”, diz seu Embaixador no país


  22 Novembre      43        COOpération (427),

   

Bissau, 22 Nov 22 (ANG) – O Embaixador da República Popular da China disse que, enquanto membro da grande família dos países em desenvolvimento, o seu país vai continuar a apoiar o desenvolvimento socio-económico da Guiné-Bissau e contribuir com ações práticas para a modernização do país.
Guo Ce falava , segunda-feira, 21 de Novembro, no seminário sobre “Governança da China e XX Congresso Nacional do Partido Comunista da China (PCCh) organizado em parceria com Instituto Nacional de Estudos e Pesquisa (INEP).

O diplomata defendeu que o desenvolvimento próspero da China também vai injetar um novo impulso na cooperação internacional e fornecer mais oportunidades de desenvolvimento para os países em desenvolvimento, incluindo a Guiné-Bissau.

O embaixador realçou que o XX Congresso Nacional do PCCh é um marco histórico, durante o qual se estabeleceu a meta abrangente para o desenvolvimento de China, tanto no estágio atual quanto nos próximos anos,

Salientou que o evento decidiu os passos a serem dados e que foi feito um apelo no Congresso para buscar a modernização do estilo chinês em todos os aspetos.

ʺOlhando ao redor do mundo, até o momento, não mais de 30 países, com uma população total de menos de um bilhão, alcançaram a industrialização. Nesse cenário, a modernização da China, um país com mais de 1,4 mil milhões de pessoas, será de importância marcante na história humana”, disse.

Guo Ce, sublinhou que a China continuará a adotar a abordagem centrada nas pessoas com o objetivo de aumentar a sua população de renda média para mais de 800 milhões, nos próximos 15 anos e promover o crescimento sustentado do seu mercado superdimensionado.

Aquele diplomata referiu que nos últimos dez anos, e sob a orientação do pensamento de Xi Jinping sobre o Socialismo com características chinesas para uma nova era, o Partido Comunista da China levou o povo chinês a alcançar grandes conquistas e vitórias históricas que atraíram a atenção mundial.

Acrescentou que uma série de obras com base no lema « Xi Jinping: Governança da China », é a expressão concentrada do contexto e processo de desenvolvimento do pensamento de Xi Jinping sobre o socialismo com características chineses para uma nova Era e servindo de uma « chave » para entender a China e o Partido Comunista da China.

Referindo-se ao seminário, Guo Ce disse que tem por finalidade trocar experiências de governança da China com académicos e especialistas guineenses.

Declarou que não existe qualquer intensão de exportar o modelo chinês para outros países, porque a China respeita e apoiam firmemente todos os países na exploração dos caminhos de desenvolvimento conforme as suas próprias condições nacionais.

O seminário com a duração de um dia, contou com a participação de académicos, jornalistas entre outras categorias profissionais

Dans la même catégorie