GNA NCCE trains Staff on COVID-19 vaccine GNA Methodist Church Ghana inaugurates Osu Circuit and Superintendent Minister GNA Christian Council describes the late Rt. Rev Dr Agidi as affable GNA SSNIT holds annual thanksgiving service APS WASIS DIOP : « LE DANGER DES RÉSEAUX SOCIAUX EST PIRE QUE LE COVID’’ GNA MP drills boreholes for communities in Sissala East AGP Kissidougou/Administration : Tenue du premier CAP de l’année 2021. GNA TVET Education: AAM-USTED positions itself to take the mantle GNA Oil is still crucial to global economy —Prof Alhaji GNA Nomads-farmers’ conflict: Security Analyst urges Ghana to enact Ranching Law

Cooperação/Umaro Sissoco Embaló e José Carlos Fonseca “registam com apreço” progressos políticos alcançados nos países da CEDEAO


  22 Janvier      24        Société (29260),

   

Bissau,22 Jan 21(ANG) – Os Chefes de Estado da Guiné-Bissau e de Cabo Verde respectivamente, Umaro Sissoco Embaló e José Carlos Fonseca, dizem registar com apreço os progressos políticos alcançados na consolidação da ordem constitucional e democrática nos países da CEDEAO, no geral.

A apreciação dos progressos políticos na CEDEAO dos dois chefes de Estado consta no Comunicado Final da visita do Presidente cabo-verdiano à Guiné-Bissau entre os dias 18 e 21 do corrente mês, através do qual expressaram igualmente as suas preocupações face à onda de violência que se assinala nalguns países da sub-região, com maior incidência na região do Sahel.

“A circunstância de se tratar da primeira visita oficial de um Chefe de Estado de Cabo Verde à Guiné-Bissau faz deste evento político-diplomático um novo começo e esta visita constitui um marco histórico nas relações de amizade e cooperação entre os dois povos”, refere o documento.

Comprometidos com as agendas da integração sub-regional da CEDEAO e regional da União Africana, os dois presidentes da república se congratularam com os progressos alcançados na construção da União Económica e Monetária Oeste Africana, e declararam que encaram, com muita expetativa, a consolidação dos avanços alcançados no estabelecimento da Zona de Comércio Livre Continental Africana (ZCLCA).

Quanto à crise de saúde pública provocada pela pandemia da Covid-19, os dois Chefes de Estado reconheceram que esta situação agravou os níveis de pobreza na sub-região e gerou uma situação económica e social bastante critica em termos de segurança, estabilidade politica e paz social.

Os dois Chefes de Estado reconheceram a importância do fenómeno migratório com raízes históricas bem conhecidas o que em grande medida reforça os laços de solidariedade entre guineenses e cabo-verdianos.

Nesse sentido, os dois Chefes de Estado encorajam as autoridades competentes dos dois países a envidarem esforços que visem encontrar soluções para a sua integração social.

O Presidente da República da Guiné-Bissau realçou os esforços do Presidente da República de Cabo Verde no exercício da sua magistratura de influência na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa.

De acordo com o comunicado, ao terminar a sua visita, o Presidente da República de Cabo Verde agradeceu o Chefe de Estado da Guiné-Bissau pela calorosa receção e hospitalidade que lhe foi reservada a si e à sua comitiva.

Ainda no âmbito do reforço das relações bilaterais, o Chefe de Estado de Cabo Verde formulou um convite ao seu homólogo, o Chefe de Estado Guineense, para uma Visita de Estado à Cabo Verde com datas a serem definidas através de canais diplomáticos.

Dans la même catégorie