AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Législatives 2021 : Une campagne sous le signe de la solidarité pour le candidat RHDP de Divo commune AIP Côte-d’Ivoire-AIP/ Une mission de paix du ministère de l’Intérieur à Bongouanou AIP Côte d’Ivoire-AI/ Législatives 2021: Bictogo lance la campagne des candidats RHDP de Bouaké GNA Auto electrician jailed for stealing GNA Managers of PWDs debunk alleged misappropriation of funds GNA Bibiani MCE distributes PPEs to traders AIP Côte d’Ivoire- AIP/ Législative 2021 : Le député sortant relève la nécessité pour le RHDP de conserver le poste de Ouragahio AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Les comités de veille de la cohésion sociale proposent un pacte de non-agression entre communautés du Gôh AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Législatives 2021: La candidate de EDS appelle à un vote utile à Aboisso sous-préfecture AIP Côte d’Ivoire AIP/ Législatives 2021: La liste RHDP de Grand-Bassam officiellement présentée aux populations

Covid-19: Cruz Vermelha lança segunda fase do Programa Alimentar Nutricional


  19 Février      9        Société (29285),

   

Cidade da Praia, 19 Fev (Inforpress) – A 2ª fase do Programa Alimentar Nutricional, apresentada hoje pela Cruz Vermelha de Cabo Verde (CVCV), pretende responder às necessidades alimentares e nutricionais de cerca de 20 mil famílias cabo-verdianas mais vulneráveis no contexto da covid-19.
O lançamento da 2ª fase do Programa Alimentar Nutricional foi feito durante o encontro do Conselho Superior da Cruz Vermelha de Cabo Verde, que está reunido durante todo o dia de hoje para a aprovação do relatório de actividades e contas de 2020, orçamento e plano de actividades de 2021.
O presidente da CVCV, Arlindo de Carvalho, em declarações à imprensa, à margem da cerimónia de lançamento do referido programa, avaliou positivamente as acções desenvolvidas durante a 1ª fase do programa, realçando que na 2ª fase a abrangência será nacional.
O projecto, conforme lembrou, visa fortalecer a resiliência das famílias cabo-verdianas mais vulneráveis que foram afectadas pelos três anos consecutivos de seca e que agravou pela perda de meios causada pela pandemia de covid-19.
“No quadro do nosso plano de contingência, conseguimos mobilizar um conjunto de recursos para fazer face à covid-19 e auxiliar os poderes públicos, desenvolvemos uma primeira fase a nível da assistência psicossocial e segurança alimentar e conseguimos atingir cerca de 20 mil famílias. Entendemos que a situação pandémica perdura e as pessoas continuam com problemas e decidimos melhorar o conteúdo do programa”, afirmou.
Asseverou, neste sentido, que para esta fase, que prevê atingir igualmente cerca de 20 mil famílias cabo-verdianas a nível nacional, a Cruz Vermelha de Cabo Verde constatou a necessidade de se melhorar o programa, introduzindo novas valências, nomeadamente a assistência psicossocial.
Destacou, por outro lado, que a CVCV, além do Programa Alimentar Nutricional, tem em curso outros projectos para dar respostas aos desafios que o País enfrenta nos vários sectores, informando que a CVCV tem no terreno cerca de 1500 voluntários e que a organização tem sabido cumprir a sua missão no contexto da covid-19.
Durante a 1ª fase do programa foram contemplados os municípios de Santa Cruz, São Domingos, São Salvador do Mundo, Ribeira Grande de Santiago, Tarrafal, Santa Catarina, Calheta de São Miguel e São Lourenço dos Órgãos, todos na ilha de Santiago, Ribeira Grande, Paúl e Porto Novo em Santo Antão, Santa Catarina do Fogo e o município da ilha do Maio.
Para além das pessoas em situação de extrema vulnerabilidade, o programa prevê auxiliar indivíduos com problemas de saúde e desnutrição, grávidas, mães solteiras, doentes crónicos, campesinos, migrantes estrangeiros em situação de carência e grupos marginalizados.
O Programa Alimentar Nutricional é financiado pelo Governo do Canadá, em parceria com a CVCV, Governo de Cabo Verde, câmaras municipais e outros parceiros nacionais.

Dans la même catégorie