Inforpress Agriculture/Fogo: La chenille de maïs et les criquets envahissent la culture du maïs et il y a des zones sans espoir à Santa Catarina Inforpress COVID-19: BCV Supervision Coordinator states it is possible to make savings in the country’s current situation APS DÉMARRAGE DE LA SÉANCE PLÉNIÈRE CONSACRÉE À L’ADOPTION DU PROJET DE LOI PORTANT CRÉATION DU FERA APS UNE SOCIÉTÉ CIVILE « PLUS CONSCIENTE DE SON RÔLE » DANS LE DISPOSITIF DE DIALOGUE DU SECTEUR ÉDUCATIF (COSYDEP) APS UN SITE PRÉVU À DIAMNIADIO POUR LA VISITE TECHNIQUE ET L’IMMATRICULATION DES VÉHICULES GNA Ghana needs investment support in pharmaceutical sector GNA GJA secures insurance package for journalists covering elections 2020 GNA We will provide security for Volta Region- IGP GNA New Oti Region to get Youth Resource Center after President cuts sod for construction GNA Let’s not lose sight of malaria because of Covid-19—Makarios Foundation

Covid-19/Número de recuperados é superior ao de infectados em 24 horas em África


  28 Septembre      5        Santé (7808),

   

Bissau, 28 Set 20 (ANG) – O número de recuperados da covid-19 em África nas últimas 24 horas, um total de 7.178, é superior ao de novos casos, de 5.730, havendo também registo de mais 155 mortes, informaram hoje as autoridades de saúde africanas.

Dados hoje divulgados pelo Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC) revelam que, desde o início da pandemia no continente, existem já 1.450.048 casos de infecção (mais 5.730 nas últimas 24 horas) e 1.199.831 recuperados (m

ais 7.178).
Por seu lado, o número de mortos nos 55 Estados-membros da organização subiu nas últimas 24 horas para 35.299, mais 155 do que na sexta-feira.

De acordo com o África CDC, a África Austral continua a registar o maior número de casos de infecção e de mortos, com 17.618 vítimas mortais num universo de 730.924 infectados.

Só na África do Sul, o país mais afectado do continente, estão registados 669.498 casos e 16.376 mortos.

O norte de África, a segunda zona mais afectada pela pandemia, tem 320.684 pessoas infectadas e 10.744 mortos e, na África Ocidental, o número de infecções é de 174.815, com 2.595 vítimas mortais.

A região da África Oriental contabiliza agora 166.154 casos e regista 3.266 vítimas mortais e, por seu lado na África Central, estão registados 57.471 casos e 1.076 óbitos.

O Egito, que é o segundo país africano com mais vítimas mortais (a seguir à África do Sul) regista 5.869 mortos e 102.736 infectados, e Marrocos contabiliza 2.041 mortos e 115.241 casos.

A Argélia surge logo a seguir, com 50.757 casos de infecção registados e mais de duas mil vítimas mortais (2.007), sem mudanças nas últimas 24 horas.

Entre os seis países com mais afectados estão também a Nigéria, com 58.198 infectados e 1.106 mortos, e a Etiópia 72.700 casos, com 1.165 vítimas mortais.

Já no que toca aos países africanos de língua oficial portuguesa, Angola lidera em número de mortos e Moçambique em número de casos.

Angola regista hoje 171 mortos e 4.672 casos, seguindo-se a Guiné Equatorial (83 mortos e 5.018 casos), Cabo Verde (55 mortos e 5.628 casos), Moçambique (54 mortos e 7.757 casos), Guiné-Bissau (39 mortos e 2.324 casos) e São Tomé e Príncipe (15 mortos e 911 casos).

O primeiro caso de covid-19 em África surgiu no Egipto, em 14 de Fevereiro, e a Nigéria foi o primeiro país da África subsaariana a registar casos de infecção, em 28 de Fevereiro.

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 993.438 mortos e cerca de 32,6 milhões de casos de infecção em todo o mundo.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detectado no final de Dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Dans la même catégorie