APS THIÈS : 300 MAISONS DÉMOLIES À MBOUR 4 EXTENSION PAR LA DSCOS APS DOCTEUR SALL DE L’INSTITUT PASTEUR : « PAS ENCORE D’INFORMATION SUR LA PRÉSENCE DE NOUVEAUX VARIANTS DU COVID’’ APS COVID-19 : LES AUTORITÉS INVITÉES À VEILLER À « UNE APPLICATION RIGOUREUSE DES MESURES PRÉVENTIVES » APS GESTION DE L’ÉPARGNE : DES CDC OUEST AFRICAINES DONT CELLE DU SÉNÉGAL À L’ÉCOLE DE LA BAD APS ZLECAF : LES ENTREPRISES LES MIEUX PRÉPARÉES VONT TIRER LEUR ÉPINGLE DU JEU (SPÉCIALISTE) ANGOP COVID-19: ANGOLA REGISTA 32 NOVOS CASOS E 17 RECUPERADOS GNA Protect Children from contracting COVID-19- DCE GNA Court remands businessman for defrauding by false pretenses GNA ‘Amewu’s magic’ will be replicated in Akatsi North next election – DCE GNA Applicant has not shown exceptional circumstance for review application of interogatories- EC

Covid-19/“O país vai tentar produzir álcool gel através da manga”, diz a Alta Comissária


  9 Décembre      13        Santé (8684),

   

Bissau, 09 Dez 20 (ANG) – A Alta Comissária para a Covid-19 afirmou que a Guiné-Bissau, em parceria com as Agências das Nações Unidas para o Desenvolvimento (UNIDO), vai tentar produzir álcool gel através da manga.

Magda Nely Robalo que falava na cerimónia de lançamento do Laboratório de Aceleração do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), disse que a Guiné-Bissau é um país rico e com uma variedade muito grande de mangas.
Acrescentou que a maior parte das mangas não são transportadas e estragam no local e a que a UNIDO vai trabalhar para fortalecer a fileira desse produto no país.

“É uma inovação para a prevenção da pandemia e devemos só utilizar a nossa imaginação, ter a coragem de sair da nossa zona do conforto, abandonar a inércia, o conformismo e encontrar soluções locais para o desenvolvimento do nosso país”, frisou.

Magda Vaz aconselhou a população a continuar a fazer a prevenção da pandemia do Covid-19.

“Nós não queremos voltar ao Estado de Emergência por isso que é muito bom que cada um tenha mantido a utilização de suas máscaras para continuarmos a prevenir e vamos continuar a lutar contra a covid-19”, disse.

Por sua vez, o Presidente da Associação Guineense para Promoção de Invenção e Inovação (AGPI), Carlos Marciano disse que a sua organização tem como objetivo promover, informar e sensibilizar as autoridades locais e jovens em geral para se engajarem na promoção e desenvolvimento da criatividade guineense.

Carlos Marciano realçou a importância desse laboratório de aceleração, justificando que os laboratórios são importantes porque a resposta ao desenvolvimento está nas mãos de inovadores locais.

Aquele responsável afirmou ainda que as respostas para desenvolvimento
não precisam ser em grande escala, e disse que bastam pequenas inovações que trazem valor público e que podem fazer uma grande diferença na vida da comunidade.

“É importante a chegada dessa iniciativa ao país porque vai permitir que a mudança venha de soluções ascendentes, de forma sustentável, e liderada por quem tem interesse de desenvolvimento no coração”, referiu.

Carlos marciano garantiu que a sua organização está e estará disposta a entabular parcerias com o Laboratório na promoção de pequenas inovações que podem desenvolver as comunidades.

Dans la même catégorie