MAP Le Nigeria signale 22 cas mortels de diphtérie depuis décembre 2022 MAP Nouakchott abrite fin février le Forum économique maroco-mauritanien MAP Côte d’Ivoire-Maroc : Une coopération excellente et une symbiose absolument parfaite entre les diplomaties des deux pays (diplomate) MAP Coupe Davis/Groupe Mondial II : Le Maroc affronte la Côte d’Ivoire les 4 et 5 février à Abidjan MAP Le Pape François condamne de « cruelles atrocités » en RDC « qui couvrent l’humanité de honte » ACP Kibali Gold Mine paie 1,2 milliard USD des taxes et redevances en 2022 ACP La RDC et le Congo Brazzaville pour la valorisation de leurs patrimoines touristiques ACP Classement « Transparency International » : la RDC gagne trois points dans la lutte anticorruption ACP La chine conserve la place du premier investisseur étranger en RDC ANP Niger : Une délégation de ministres Néerlandais au Cabinet du Président de la République

CPLP: Quadros informáticos dos parlamentos partilham práticas de gestão administrativa


  4 Mai      34        communication (68), Technologie (777),

   

Cidade da Praia, 04Mai (Inforpress) – Quadros de informática dos parlamentos dos países de língua portuguesa encontram-se reunidos, na Cidade da Praia, para a partilha de práticas de gestão administrativa em tempos de crise.
Este XVI encontro dos quadros de informática dos parlamentos dos Países de Língua Portuguesa, que acontece nesta terça e quarta-feira, na Assembleia Nacional, realiza-se sob o lema: “Os desafios e as oportunidades das TIC na administração parlamentar em tempos de crise”.
Em declarações à imprensa, a presidente da Associação dos Secretários-Gerais dos Parlamentos de Língua Portuguesa (ASG -PLP), Paula Lima, esclareceu que este encontro serve para troca de experiências entre os técnicos dos respectivos países, tendo como enfoque as novas tecnologias de informação no âmbito administrativo.
De acordo com Paula Lima, o maior desafio que se impõem tem a ver com a cibersegurança, apesar dos grandes avanços a nível das tecnologias.
No caso de Cabo Verde, referiu que, não obstante o parlamento cabo-verdiano contar com uma base de dados independente, há que sempre se precaver contra os crimes cibernéticos.
“Portanto, o desafio agora é sobretudo a nível da cibersegurança, que é fundamental para Cabo Verde assim como para os parlamentos dos países da comunidade”, notou Paula Lima, reiterando que este encontro servirá para a partilha de práticas e experiências entre os países para o aperfeiçoamento das tecnologias da informação em âmbito legislativo.
Neste particular, Paula Lima avançou que Cabo Verde quer se inteirar das técnicas de teletrabalho e das transcrições de áudios utilizadas nos outros países.
“Precisamos melhorar a nível das transcrições porque temos actas em atraso há vários anos, portanto é uma matéria importante para aperfeiçoar”, observou.
Antes da abertura do evento, que é organizado pela ASG – PLP, os quadros informáticos parlamentares foram recebidos pelo presidente da Assembleia Nacional, Austelino Correia.

Dans la même catégorie