MAP La BAD et Inwi scellent un partenariat pour soutenir les start-up innovantes MAP Remise du prix Brahim Akhiat pour la diversité culturelle dans sa 2ème édition MAP M. El Malki se félicite du cheminement de la coopération avec le FOPREL MAP Une association marocaine lauréate du Prix Prince Mohamed Ben Fahd pour la meilleure action caritative MAP Le Maroc, pionnier dans la lutte contre la pandémie du coronavirus (Nabil Benabdallah) MAP Groupe de soutien à l’intégrité territoriale du Maroc à Genève: plein appui à la souveraineté du Royaume sur son Sahara MAP Marrakech : Immersion dans l’univers artistique d’Isabel Alonso Vega et Bence Magyarlaki MAP Covid-19: le HCR et la JICA mettent en place un projet de 275.000 dollars en faveur des réfugiés résidant au Maroc MAP L’artiste-plasticien Abderrahim El Hassani expose ses œuvres à Fès AGP Boké/société: Le siège de la préfecture, nouvelle cible des voleurs de motos

Desporto Universitário relançado em São Tomé e Príncipe


  9 Février      22        Sport (5327),

   

São Tomé (São Tomé e Príncipe), 09 Fev. 2021 (STP-Press) – A Federação do Desporto Universitário de São Tomé e Príncipe, FDU-STP, acaba de eleger nova direcção presidida por Yuri Baía da Trindade em substituição de Telmy Dênde que deixou o País para estudar em Portugal.

Em Assembleia Geral, sábado, em São Tomé, Yuri Baía, viu-se eleito líder por mais de cinco dezenas de delegados numa lista única e por unanimidade.

Após essa acção estatutária, Baía afirmou a Imprensa que espera relançar a parceria com algumas instituições nacionais, das quais o Ministério e a Direcção-geral dos Desportos assim como o Comité Olímpico São-tomense, COS.

A propósito, João Costa Alegre, líder do COS que testemunhou e incentivou a reorganização dessa instituição desportiva académica, disse que a sua presença visou “dar força a Yuri Baía, anterior Secretário-geral que acabou por ser eleito novo Presidente e precisa, de facto, de apoio”.

“Estes jovens doravante devem fazer tudo para distribuírem melhor as tarefas e desagrava-la em um só homem ou figura”, acrescentou, reafirmando que a organização que dirige vai continuar a dar todo apoio visando a reafirmação da Federação Universitária em São Tomé e Príncipe.

No plano externo, reafirmou relações com a Federação Universitária de Portugal com a qual tem relações “de excelência” e a Federação do Desporto Universitário Internacional e africano.

    A FDU-STP foi arquitectada em Setembro de 2016, em São Tomé, por cinco jovens de trêsports Universidades diferentes e alguns Institutos Académicos do País, o seu primeiro corpo directivo acolheu 32 votos a favor e três abstenções.

Dans la même catégorie