GNA Morocco beat Ghana in a friendly match in Accra GNA FIFA President confirms 22 national teams will participate in Arab Cup 2021 GNA 2020 Gold Fields PGA Golf Championship: Torgah leads the board after Day two GNA African Science Academy builds capacity of Mathematics educators GNA Akufo-Addo has shown exemplary leadership to be retained- Kwabena Agyepong GNA Ghana records 2080 deaths through road accidents GNA Children appeal for peaceful elections GNA IGP commissions elevated Effutu Police Station AGP Guinée- Assemblée Nationale : Le ministre du Budget présente le projet de loi de finances 2021 GNA Western Region records 78 deaths through road crashes

Desporto/”Empresário Eusébio Mango Fernandes já transferiu 25 jovens futebolistas guineenses para Portugal


  3 Novembre      9        Sport (4596),

   

Bissau,03 Nov 20(ANG) – O empresário de futebol radicado há 33 anos em Portugal disse que já transferiu 25 jovens futebolistas guineenses para as terras lusas, e que todos estão bem inseridos nos respectivos clubes.

Eusébio Mango Fernandes, em entrevista exclusiva à ANG, indicou que actualmente tem jogadores inseridos no Sporting Clube de Portugal, Braga, Guimarães, Farense, Marítimo, FC Porto, no Glasgow Ranger, da Escócia e em vários outros clubes europeus.
Aquele empresário de futebol disse que não é uma tarefa fácil inserir jogadores no contexto europeu, acrescentando que, por isso, nunca aceitou levar jogadores por encomenda.

“Se estou interessado no jogador, desloco para a Guiné-Bissau e assisto treinos de diferentes Academias de Futebol para constatar com os meus próprios olhos, as qualidades dos jogadores”, explicou.

Eusébio Mango Fernandes salientou que, pela sua experiência no mundo de futebol, já sabe que tipo de jogadores o Sport Lisboa e Benfica, FC Porto, Sporting Clube de Portugal, Guimarães, Real Madrid ou outros clubes desejam.

“Para o efeito, tenho que deslocar ao terreno para constatar com os meus olhos e apartir de momento que identifico as qualidades e potencialidades de um atleta e tenho a certeza de que se o levar para um determinado clube vai se enquadrar, inicio o processo da sua transferência para a Europa”, contou.

Eusébio Mango Fernandes frisou que existem problemas psicológicos que limitam o rendimento dos jogadores, salientando que, por isso os jogadores têm que ser submetidos a vários factores de adaptação à realidade Europeia, nomeadamente formas de comer na mesa com garfo e faca, como usar casas de banho, bem como mantê-lo sempre em contacto com a família em África de forma a poder receber ânimos e força.

“Um outro aspecto tem a ver com a alimentação. Muitos futebolistas africanos chegam a Europa com grandes problemas nutricionais devido ao défice alimentar no seu país”, explicou.

Por isso, de acordo com Eusébio Mango Fernandes, o jogador, antes de mais, é submetido a um regime alimentar adequado com os diferentes tipos de vitaminas de forma a superar os problemas alimentares.

Adiantou que, o jogador é levado para os treinos particulares sob a orientação do seu empresário para ter contacto com o relvado e outras avaliações técnicas e se de facto ele reúne todas as condições, só depois é levado para integrar num determinado clube.

Eusébio Mango Fernandes sublinhou que o facto de não
se descurar com essas preparações prévias permitiu-lhe registar sucessos em relação a todos os jogadores que leva para Portugal.

Dans la même catégorie