Inforpress Taxa de inflação do Índice de Preços no Consumidor situou-se em 0,4% em Julho – INE Inforpress Porto Novo/Pesca: Apresentado projecto-piloto sobre utilização de sistemas de propulsão eléctrica em botes Inforpress Pagamento dos 35% do salário representa o cumprimento de um dever da Cruz Vermelha – SISCAP Inforpress Jovem propõe modelo de turismo integrado para fortalecer ofertas a nível nacional Inforpress Fogo: Presidente do PAICV visita ilha para apresentar candidatos à presidência dos órgãos autárquicos AIP Côte d’Ivoire-AIP/La municipalité de Grand Lahou en quête d’une décharge pour les ordures ménagères AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Présidentielle 2020 : investiture d’Alassane Ouattara, le 22 août GNA Professor Kweku, a woman of substance for MP – Hohoe NDC GNA Police follow EC office fire trail GNA African Governments urged to invest more in youth empowerment

Diplomata angolano preside Comissão da CEEAC


  31 Juillet      13        Politique (10396),

   

Luanda – O diplomata angolano Gilberto Veríssimo assumiu esta quinta-feira, 30, a presidência rotativa da Comissão da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC), após ser confirmado no posto pelos Chefes de Estado e de Governo da organização.
A candidatura do embaixador Gilberto Veríssimo foi aprovada, por consenso, segunda-feira última, 27, durante a XII Sessão Extraordinária do Conselho de Ministros da CEEAC.
Nesta quinta-feira, no decurso da XVII Sessão Ordinária da Conferência de Chefes de Estado e de Governo da organização, que decorreu por videoconferência, o diplomata angolano foi eleito por unanimidade, para um mandato de cinco anos.
O Presidente da República, João Lourenço, participou na reunião, que contou com os 11 Chefes de Estados ou de Governo dos países membros da Comunidade.
De 60 anos de idade, o novo presidente da Comissão da CEEAC, quadro sénior do Ministério das Relações Exteriores, é doutorado em Ciências Sociais e Estudos Estratégicos.
A CEEAC foi criada em Libreville, Gabão, em 1983, e tem como objectivos a promoção da cooperação e do desenvolvimento auto-sustentável, com particular ênfase para a estabilidade económica e melhoria da qualidade de vida da população da região.
Os 11 Estados-membros da Comunidade Económica dos Estados da África Central são Angola, Burundi, Camarões, República Centro-Africana, Tchad, República do Congo, República Democrática do Congo, Rwanda, Guiné Equatorial, Gabão e São Tomé e Príncipe.

Dans la même catégorie