AIP La session ordinaire de délivrance de la carte CIJP 2021 ouverte AIP L’ex-ministre Sidiki Diakité inhumé au cimetière de Grand-Bassam AIP Présidentielle 2020 : Le DNC adjoint du candidat KKB promet des emplois à la jeunesse AIP Une fondation fait don de vivres et kits scolaires à des veuves et orphelins AIP Présidentielle 2020 : Le candidat KKB se dit prêt à servir la Côte d’Ivoire avec amour s’il est élu AIP Communiqué du Ministère de la Santé et de l’Hygiène Publique « Point de la situation de la COVID-19 au 26/10/2020 » AIP Kobenan Adjoumani demande aux populations de Transua de ne pas céder aux provocations AIP Inter/Le ministre français du Commerce commente l’appel d’Erdogan à boycotter les produits français AIP Présidentielle 2020: Des observateurs locaux de l’élection renforcent leurs capacités à Agboville AGP Espace Schengen: Moukagni Iwangou prône le rétablissement du droit de visa du Gabon

Especial 24 de Setembro/Ministro dos Negócios Estrangeiros português em Bissau para aniversário da independência


  23 Septembre      10        Economie (10074),

   

Bissau,23 Set. 20(ANG) – O ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros português iniciou esta tarde uma visita de dois dias à Guiné-Bissau, com destaque para a participação nas comemorações do aniversário da independência do país.

Segundo a agência Lusa, Augusto Santos Silva « participará nas cerimónias de comemoração da independência da Guiné-Bissau,

manterá um encontro de trabalho com a ministra dos Negócios Estrangeiros, da Cooperação Internacional e Comunidades, Suzi Barbosa, e visitará um projeto de cooperação do Programa Integrado para a Redução da Mortalidade Materna e Infantil na Guiné-Bissau (PIMI II) ».
No âmbito desta visita está prevista uma visita de Augusto Santos Silva ao centro de saúde do Bairro Militar, em Bissau, onde irá inaugurar uma sala de ecografias e consultas de alto risco obstétrico, integrada no PIMI II, um programa da União Europeia, confinanciado pela Cooperação Portuguesa, através do Camões — Instituto da Cooperação e da Língua, e implementado pelo Instituto Marquês de Valle Flôr, pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e pela organização não-governamental francesa EMI (Entraide Médicale Internationale).

O ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros português deverá encontrar-se na quarta-feira com Suzi Barbosa, sendo o encontro seguido por uma conferência de imprensa.

Na quinta-feira, Augusto Santos Silva participará nas cerimónias do Dia Nacional da Independência da República da Guiné-Bissau.

Na segunda-feira, fonte da Presidência guineense anunciou que também estarão presentes nas comemorações os presidentes da Mauritânia, Senegal, Nigéria, Burkina Faso e Togo.

As celebrações do Dia da Independência, proclamada em 24 de setembro de 1973, vão decorrer no estádio nacional, em Bissau, e, segundo o programa, o Presidente guineense, Umaro Sissoco Embaló, fará um discurso e entregará condecorações.

O programa inclui também a inauguração das avenidas com os nomes do Presidente do Senegal, Macky Sall, e do Presidente da Nigéria, Muhammadu Buhari, e um almoço oficial para os chefes de Estado convidados, que devem deixar Bissau durante a tarde.

Umaro Sissoco Embaló termina as celebrações com um cocktail na Presidência guineense.

A Guiné-Bissau declarou unilateralmente em 24 de setembro de 1973. A declaração foi feita pelo antigo Presidente João Bernardo « Nino » Vieira.

Dans la même catégorie