APS THIÉNABA : DES ’’ÉTUDES SONT EN COURS’’ POUR L’ÉLECTRIFICATION DU VILLAGE DE THIOTY (DG SENELEC) AIP Communiqué du Ministère de la Santé et de l’Hygiène Publique « Point de la situation de la COVID-19 au 23/10/2020 » AIP Côte d’Ivoire-AIP/Présidentielle 2020 : L’UE appelle les acteurs politiques ivoiriens à accélérer le dialogue MAP Guinée/présidentielle : 5 morts dans des violences post-électorales AGP Gabon: Reprise progressive des activités de la Société des bois de Lastourville ANP Niger : Les nouveaux membres du Comité Scientifique du CNRA se présentent au Premier Ministre ANP DIFFA : Cérémonie de présentation de semences améliorées produites par l’ONG WHH AGP Gabon : Evolution de la crise sanitaire, Task force et actualité international au menu du point de presse du Porte-parole de la Présidence APS DEUX PIROGUES DE MIGRANTS CLANDESTINS INTERCEPTÉES CE VENDREDI, AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Le CEECI et plusieurs organisations estudiantines rendent hommage à Alassane Ouattara à l’UAO de Bouaké

FFGB/Novo Presidente prioriza construção de infra-estruturas de futebol no país


  16 Octobre      8        Sport (4361),

   

Bissau, 16 Out 20 (ANG) – O novo Presidente da Federação de Futebol da Guiné-Bissau Carlos Alberto Texeira prometeu   entabular contactos com todos os parceiros da instituição, sobretudo Governo, FIFA e CAF para construção de infra-estruturas desportivas no país.

A promessa foi feita quinta-feira por Carlos  Teixeira, no acto da tomada de posse como Presidente da orgão máximo que dirige o futebol guineense.

Na ocasião, Caito Teixeira disse que vai trabalhar em parceria com governo, através da Secretaria de Estado da Juventude e Desporto no sentido de traçar um novo quadro de competição e para a construção de campos para prática de futebol com padrões internacionais e sedes para clubes e associações.

Adiantou  que vai desenvolver ainda mais mecanismos de cooperação com a Federação Internacional de Futebol(FIFA) e a Confederação Africana de Futebol (CAF), com destaque para a reforma legislativa, formação de quadros e de atletas de futebol.

Tudo isso, de acordo com o líder da nova direcção  executiva da Federação de Futebol guineense, só é possível com o envolvimento de todos os membros do novo Comité, funcionários e demais agentes do futebol.

Carlos Texeira disse estar convicto de que, com um trabalho sério, uma programação cuidada e pessoas motivadas é possível, rapidamente, transformar o futebol  nacional de lúdico para aquele que traga rendimentos para todos os que trabalham e vivem do desporto.

Para atingir esses objectivos, a Federação conta e muito com a colaboração do Comité Olímpico Nacional, aliás nos próximos dias será retomada as reuniões de concertação proposta pelo Comité Olímpico e de seguida proceder com o pagamento das quotas em atraso”, garantiu .

Caito, como é conhecido, prometeu criar condições necessárias para que o futebol nacional volte a ser aquela actividade que desperta paixões, mobiliza jovens e adultos, mas também que galvaniza a Guiné-Bissau na senda da paz e da unidade nacional.

“Para alcançar estes objectivos, a Federação tem que mudar a sua forma de relacionamento com os seus associados. isso significa que ela passará a assumir as despesas da deslocação das equipas para todos os jogos do campeonato nacional.

Assegurou que a Federação passará a ser a verdadeira casa “mãe” para o atendimento, encaminhamento e da resolução dos problemas que  afectam  os clubes e associações legalmente existentes no país.

Prometeu prestar uma atenção particular ao processo do relançamento e fomento do futebol nas camadas jovens e trabalhar para o alargamento do quadro competitivo das provas  oficiais.

No seu discurso de empossamento, Carlos Teixeira se comprometeu a incentivar e desenvolver ainda mais a prática do futebol feminino, futebol de salão, de Praia entre outras modalidades.

“Na meu entender não é admissível continuarmos a ter o actual quadro de futebol ou seja sem campos, clubes e associações sem espaços próprios, por isso vou trabalhar para encontrar uma sede capaz de albergar todas as organizações ligadas ao futebol, para que possam desenvolver as suas acções em prol do desporto nacional”, afirmou.

O novo presidente da Federação de Futebol nacional fez ainda prometeu a  legalização de todos os campos de futebol existentes no país, por forma a evitar  a sua apropriação, como tem sido actualmente, alegando que não será dificil, por ter o governo  como um parceiro estratégico da Federação em todos os sentidos.

Por outro lado, Carlos Alberto Texeira prometeu prestar atenção as escolas de academias de formação de jogadores, tendo em conta o seu papel relevante no panorama actual do futebol nacional.

Disse que o nome da Guiné-Bissau já é soubejamente conhecido no mundo de futebol, devido as duas participações consecutivas no Campeonato Africano das Nações, CAN.

“Assim sendo, gostaria que o país continuasse na mesma linha, tendo a Federação e as entidades do país como porta-bandeiras,. Por isso, a forma de tratar os assuntos da selecção deve mudar, porque as situações verificadas recentemente nos jogos  de preparação em Portugal não podem ser permitidas, pois põem em causa o nome da Guiné-Bissau”, vincou .

À propósito, Teixeira  revelou ter solicitado o relatório ao chefe da delegação que será analizado num fórum próprio.

Carlos Alberto Mendes Texeira agradeceu ao Comité Executivo cessante por ter levado o país duas vezes ao CAN, e diz que o  novo comité execitivo promete  trabalho, empenho, transparência e dedicação, na esperança de que, se assim for, os resultados desportivos aparecerão e o nome da Guiné Bissau será sempre referenciado entre os melhores do futebol mundial.

Apelou à todos os intervenientes para enterar o “machado de guerra”, por acreditar que todos são poucos para a tarefa que lhes aguarda.

Disse estar satisfeito pela confiança deposita na sua pessoa, mas também da responsabilidade que lhe espera a partir do dia em que foi eleito como presidente da FFGB, porque os 75 por cento dos votos, representa a “sede” de mudança do paradigma na condução do fetubol nacional.

Dans la même catégorie