APS LES POPULATIONS INVITÉES À S’APPROPRIER SEN’EAU, « UN PATRIMOINE À 55 POUR CENT SÉNÉGALAIS’’ APS MÉDINA BAYE VA CÉLÉBRER LE MAOULOUD DANS LE RESPECT DES GESTES BARRIÈRES (PORTE-PAROLE) APS LE CONSEIL SUPÉRIEUR DE LA MAGISTRATURE SAISI DU RAPPORT DE L’IGAJ SUR TÉLIKO APS REPLI DE 2, 5 % DU PIB AU 2E TRIMESTRE (ANSD) APS LES DÉCHETS PLASTIQUES, UNE « MENACE GRAVE » POUR LA PLANÈTE ET LES OCÉANS (PRÉSIDENT CAOPA) APS VERS UN UN GROUPE DE TRAVAIL PLURIDISCIPLINAIRE DU PROJET « DUNDËL SUUF’’ À SÉDHIOU APS LA BAD INTÈGRE LE CONSEIL D’ADMINISTRATION DU FORUM MONDIAL SUR L’INVESTISSEMENT (COMMUNIQUÉ) APS GESTION DES ORDURES : LES PRN, UN PARI CONTRE LES ’’DÉPÔTS SAUVAGES’’ MAP Fièvre de la vallée du Rift en Mauritanie: trois morts MAP UEMOA : la croissance prévue à 1,3% en 2020

Fundo de Descentralização: Porto Novo recebe 15 mil contos para luta contra a pobreza no município


  29 Juillet      5        Politique (11428),

   

Porto Novo, 29 Jul (Inforpress) – Porto Novo, em Santo Antão, vai receber do Fundo de Descentralização 15 mil contos para o financiamento de projectos destinados à luta contra a pobreza e melhoria da qualidade de vida das populações, neste município, revela a autarquia.

A socialização dos projectos a serem financiados no quadro do Fundo de Descentralização, lançado em Maio, pelo Governo, foi tema de um workshop de dois dias, encerrado esta terça-feira na cidade do Porto Novo, em que participaram associações locais.

Segunda uma nota da câmara do Porto Novo, além de socializar e seleccionar os projectos, que vão ser apresentados pelo município, o workshop permitiu ainda aos participantes obterem conhecimentos no âmbito da elaboração de notas conceitual de projectos.

Porto Novo receberá, no âmbito deste fundo, uma verba de 15 mil contos, que “não corresponde às expectativas” deste município, declarou o presidente da câmara, Aníbal Fonseca, aquando do lançamento desta iniciativa pelo Governo de Cabo Verde.

O Fundo de Descentralização prevê 2,8 milhões de euros (308 mil contos) para financiar projectos às câmaras municipais e associações, sendo 2,3 milhões euros (253 mil contos) divididos para os 22 municípios e 500.000 euros (55 mil contos) distribuídos para os nove municípios-piloto do programa Plataforma para o Desenvolvimento Local e Objectivos 2030, do qual Porto Novo faz parte.

Porto Novo, segundo presidente da edilidade, vai poder receber os 15 contos para acções a nível do concelho, montante que dará para, “no máximo”, financiar dois projectos identificados no quadro do Plano Estratégico de Desenvolvimento Sustentável (PEDS) deste município, para o período 2020/2030.

De acordo com o Governo, este fundo procura financiar projectos identificados e priorizados pelas câmaras e associações locais no quadro dos Planos Estratégicos Municipais de Desenvolvimento Sustentável (PEMDS), já aprovados.

Os projectos serão implementados até Julho de 2022.

JM/ZS

Inforpress/Fim

Dans la même catégorie