GNA Minister urges residents to comply with lockdown directives GNA COVID-19: UBA Ghana supports COVID-19 fight with 350,000 dollars GNA COVID-19: Advans Ghana announces grace period for loan clients GNA Restrictions on movements to contain Covid-19 take effect GNA Eight Nigeriens; two Burkinabes in quarantine test positive to new coronavirus APS COVID-19 : DEUX CAS GRAVES SIGNALÉS PAR LES AUTORITÉS SANITAIRES MAP Revue de la presse quotidienne internationale africaine (RPQI-Afrique) MAP Bulletin quotidien d’informations économiques africaines MAP Bulletin de l’écologie de l’Afrique LINA IOM Donates Sanitary Materials To Partners Amid Coronavirus Advent

Governo almeja assinar um pacote de 500 milhões de euros de financiamento durante o Cabo Verde Investiment fórum


  20 Mars      31        Economie (8113), Finance (426), Photos (3857),

   

Cidade da Praia, 20 Mar (Inforpress) – O Governo almeja assinar um pacote de pelo menos 500 milhões de euros de financiamento no Fórum de Investimento a realizar-se em Cabo Verde, e desafia o sector privado a preparar-se para apresentar projectos bem montados e bancáveis.
O evento, que se apresenta como um espaço de criação de oportunidades e atração de investimentos para o sector privado, está marcado para os dias 01, 02 e 03 de Junho na ilha do Sal e a sua apresentação publica foi feita hoje na Cidade da Praia, pelo vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças Olavo Correia.
“Neste fórum teremos conversa sim, mas vai ser um fórum para concretizar negócios. A equipa liderada pela Bolsa de Valores, Direcção-Geral do Plano com a parceira do sector privado tem essa missão. Nós queremos assinar um pacote de pelo menos meio bilhão de euros de financiamento, ou seja, 500 milhões de euros (cerca de 55 milhões de contos) de financiamento no mínimo para termos sucesso neste fórum”, disse o governante.
Segundo Olavo Correia trata-se de uma meta possível com competência e projectos bancáveis e bem montados e com boa estrutura de capital.
“Nos acreditamos em como é possível ter projectos financiados num montante 500 milhões de euros no mínimo e criar condições para que outros projectos ao longo do ano possam ser financiados”, disse alertando o sector privado a se preparar.
O objectivo do Governo é dar todo o incentivo ao sector privado nacional e estrangeiro para investir em Cabo Verde em todos os sectores.
MJB/FP

Dans la même catégorie