MAP Bulletin économique de l’Afrique australe MAP Revue de presse quotidienne internationale africaine (RPQI – Afrique) MAP Bulletin quotidien d’informations économiques africaines MAP CAF: Ahmad Ahmad candidat pour un deuxième mandat INFORPRESS Cabo Verde assume vice-presidência executiva da Confederação Africana de Voleibol INFORPRESS Covid-19: Ulisses Correia e Silva admite que os partidos políticos estiveram “muito mal” durante a campanha eleitoral INFORPRESS Parlamento: Abraão Vicente propõe que parte da taxa cópia privada seja canalizada para cinema e audiovisual INFORPRESS Vice-PM quer que os países da CPLP partilhem suas experiências no domínio da governação electrónica GNA Traders declare support for President Akufo-Addo APS KAFFRINE : 10 % DES PARCELLES DE MIL NÉGATIVEMENT IMPACTÉES PAR L’HUMIDITÉ (DRDR)

Governos devem ter um olhar diferenciado para as mulheres rurais – RAMAO


  15 Octobre      10        Société (24281),

   

Cidade da Praia, 15 Out (Inforpress) – A presidente da RAMAO, Josefina Chantre, apelou hoje aos governos a terem um olhar diferenciado em relação às mulheres rurais, avançando que deve ser feito projectos sustentáveis e duráveis para ajudar as mesmas a ultrapassar crises.

Em declarações à Inforpress por ocasião do Dia Internacional da Mulheres Rurais que se celebra hoje, a presidente da Associação das Mulheres da África Ocidental (RAMAO), Josefina Chantre, afirmou que neste dia “não há motivos para comemorar, mas sim “há motivos para sentar e reflectir.

Este é o momento de pensar em melhores estratégias, pôr de pé projectos sustentáveis e duráveis, sobretudo como alternativas às pragas, como o lagarto do cartucho que assola, mais concretamente, Cabo Verde”, asseverou Josefina Chantre.

Para além da situação agravada pela covid-19, neste momento, prosseguiu a presidente, depois de quase quatro anos de seca, as mulheres estão a viver numa situação “caótica”, disse, indicando que a ilha de Santo Antão, como exemplo, onde a lagarta cartucho está a “devorar tudo e não há nada para comer”.

Com isto, a presidente admitiu que, a resiliência vai ser muito maior, a pobreza e as desigualdades vai se acentuando, reiterando que os governos “devem ter um olhar diferenciado para essas mulheres rurais que são chefes de família”.

O Dia Internacional das Mulheres Rurais foi instituído em 1995 pela Organização das Nações Unidas (ONU) e assinala-se anualmente a 15 de Outubro, tendo por objetivo alertar para o papel determinante que o sexo feminino desempenha num universo que, tradicionalmente, muitos (ainda) associam sobretudo ao sexo masculino.

TC/DR

Dans la même catégorie