APS MORT DE CHEIKH IBRAHIMA COLY : LE GOUVERNEMENT ANNONCE UNE ENQUÊTE APS AFFAIRE SONKO : BBY APPELLE ’’À LA RAISON ET À LA SÉRÉNITÉ’’ APS DES ORGANISATIONS DE LA SOCIÉTÉ CIVILE APPELLENT POUVOIR ET OPPOSITION À PRÉSERVER LA STABILITÉ APS UN MANIFESTANT TUÉ À BIGNONA, SELON UNE SOURCE SÉCURITAIRE APS LE MAGASIN AUCHAN DE LA CITÉ SOPRIM PILLÉ APS LA CSA DÉTERMINÉE À SE BATTRE POUR LES TRAVAILLEURS, APPELLE « À SE TENIR DEBOUT’’ POUR L’ETAT DE DROIT MAP Sénégal : un mort dans des protestations contre l’arrestation du leader d’un parti de l’opposition (officiel) MAP FAO: 45 pays, dont 34 en Afrique, auront besoin d’une aide alimentaire extérieure GNA Western North residents welcome Supreme Court verdict, calls for peace. GNA Inter-Party Committee in Sissala East pledge to accept Supreme Court decision

Humberto Bettencourt considera justa a atribuição de campeão a Académica da Praia


  19 Janvier      16        Sport (5373),

   

Cidade da Praia, 19 Jan (Inforpress) – O antigo treinador da Académica da Praia, equipa declarada campeã da época 2019/2020, afirmou hoje que já estava à espera da atribuição do título no campeonato regional de futebol de Santiago Sul à sua antiga equipa.

Em declarações à Inforpress, o técnico Humberto Bettencourt, que liderou a equipa da Académica da Praia na época passada, disse que já estava certo que a sua equipa iria ser nomeada campeã, embora tivesse de esperar cerca de dez meses para que isso acontecesse.

“Até que enfim, chegou tarde, mas antes tarde do que nunca. Num campeonato de 22 jornadas, a Académica já tinha jogado mais de que dois terço das partidas, sem derrota, com 16 vitórias e apenas dois empates. Penso que é um argumento mais do que suficiente para atribuição do título”, afirmou.

Bettencourt, que actualmente assume as funções do seleccionador-adjunto de Cabo Verde, mostrou-se satisfeito por ser bicampeão no que abrange o seu currículo pessoal, visto que já tinha sido campeão pelo Celtic da Praia na época 2018/2019 e desta feita volta a conquistar o título com a Académica da Praia.

“Cada vitória e cada conquista é única, porém nesse contexto é extremamente diferente”, isso porque, explicou, em nenhuma circunstância no passado um campeão foi conhecido após cerca de dez meses do término da competição terminou.

Conforme explicou a mesma fonte, receber a notícia de ser campeão dez meses depois é muito diferente de estar na competição a jogar para ganhar e comemorar o título, mas assegurou que ficou um sentimento de justiça e que a “história foi registada”

“A época desportiva terminou e já saíram vários jogadores do clube, inclusive eu, e a sensação de ser campeão do campeonato é totalmente diferente das outras em termos de emoção”, disse.

Humberto Bettencourt afiançou, ainda, que agradece toda a equipa técnica que contribuiu para que a Académica da Praia fosse campeã, e em homenagem atribuiu o título a um adepto chamado “Cobra”, falecido a pouco tempo e que segundo o mesmo é uma das “grandes figuras do futebol cabo-verdiano”.

Considerado um dos estudiosos do futebol, Humberto Bettencourt afigura-se como um dos treinadores de referência da nova fornalha de técnicos cabo-verdianos que nos últimos anos tem vindo a mostrar as suas qualidades na orientação dos clubes.

A Associação Regional de Santiago Sul (ARFSS) decidiu este sábado, 16, consagrar a Académica da Praia como campeã da época 2019-2020, competição que foi interrompida, em Março do ano passado, a quatro jornadas do fim, devido ao surto da covid-19 no País.

Nessa altura, a Académica da Praia liderava a prova com 11 pontos sobre os segundos classificados (Boavista e Travadores), quando se estava à quatro jornadasa do término da prova.

DM/SR/JMV

Dans la même catégorie