MAP Revue de la presse quotidienne internationale africaine (RPQI-Afrique) MAP Bulletin de l’écologie de l’Afrique MAP Bulletin d’informations économiques africaines MAP Le Sénégal et la BAD signent deux accords de financement MAP Le président malien sera présent au sommet Russie-Afrique prévu en juillet à Sotchi (ministre des AE) APS Malèye Diagne « a tous les atouts pour réussir avec son nouveau club », le Riga FC APS Samba Ndiobène Ka rassuré par les travaux du Promoviles à Rufisque APS Promovilles: lancement des travaux de deux voies pour désenclaver Tivaouane Peulh-Niaga APS Cinq joueurs sénégalais dans le onze-type du CHAN AIP Coupe du monde des clubs 2023: Al Hilal (Arabie Saoudite) s’impose devant Flamengo (Brésil) (1-0)

Ilha do Sal: Técnicos das Finanças e operadores económicos inteiram-se do sistema da Factura Electrónica


  2 Mai      24        Economie (17271), Technologie (781),

   

Espargos, 02 Mai (Inforpress) – Técnicos das Finanças e operadores económicos, na ilha do Sal, inteiram-se do sistema de implementação da Factura Electrónica através de sessões de formação e esclarecimentos, que decorrerão durante o dia de hoje e terça-feira, na ilha.
Promovida pela Direcção Nacional das Receitas do Estado, as sessões de formação e de esclarecimentos, decorrerão durante o mês de Maio em todas ilhas e municípios do País, tendo no Sal iniciado na manhã de hoje com os funcionários das Finanças locais.
De acordo com uma nota de imprensa a que a Inforpress teve acesso, a implementação deste projecto está a ser materializada por fases, tendo-se já iniciado a adesão obrigatória para os importadores, os grandes contribuintes em Setembro de 2021, e contribuintes médios em Janeiro de 2022.
Segundo o mesmo documento, em Junho de 2022, ocorrerá a massificação da obrigatoriedade para a restante faixa de contribuintes.
“No decorrer das fases de implementação da Factura Electrónica, torna-se necessário a realização de determinados investimentos, nomeadamente, a formação e capacitação dos funcionários/colaboradores, e a socialização para os sujeitos passivos emissores e receptores de facturas, além do público em geral, pelas operações realizadas e suportadas, envoltas em facturas”, explicita a anotação.
Explica ainda a mesma fonte que a factura electrónica tem como suporte, um projecto enquadrado no domínio da governação electrónica, levado a cabo pelo Governo e sustentado pelas tecnologias de informação e comunicação, com vista a tornar a governação e a Administração Pública “mais eficaz e eficiente e menos onerosa”.
Neste âmbito, lê-se ainda, que o Governo, no seu programa, se comprometeu a “investir fortemente” na expansão da rede electrónica, conceber ou aperfeiçoar um programa de racionalização de procedimentos administrativos fiscais, tendente a acelerar, desmaterializar e informatizar estes procedimentos e “tornar as respectivas decisões mais expeditas e eficientes”.
Dos conteúdos programáticos, destacam-se a Exposição da reforma tributária digital, o projecto da factura electrónica e o cronograma de implementação.
No módulo “Apresentação do modelo da factura electrónica”, os participantes terão orientação dos principais aspectos nomeadamente modelo funcional, modelo operacional e o Website, seguido de sessão de esclarecimentos.

Dans la même catégorie