ANP La Fédération nigérienne de Football tient son assemblée générale statutaire ANP A Dosso, le MCD Jarumin Talakawa investit son président Idrissa Issoufou candidat à la présidentielle nigérienne AIP Présidentielle 2020 : début du dépouillement à Man AIP Présidentielle 2020: des incidents signalés dans le département de Kounahiri AIP Présidentielle 2020: Des urnes vandalisées et des bureaux de vote fermés dans des villages de Bonon AIP Présidentielle 2020: Kafana Koné salue la discipline des électeurs dans les bureaux de vote à Yopougon AGP Eliminatoires CAN 2021 : calendrier des 3e et 4e journées de qualifications AGP Mamou-Société: Arrestation d’un présumé auteur du meurtre de 2 enfants à Sobéya dans Dounet APS MARIE KHÉMESSE NGOM NDIAYE SALUE LES RÉSULTATS DANS LA LUTTE CONTRE LE PALUDISME AGP Labé-crise postélectorale : Hausse considérable du prix des denrées alimentaires

Itália:Jovem cabo-verdiano assassinado será homenageado hoje numa cerimónia organizada pelas autoridades municipais


  9 Septembre      12        Divers (890),

   

Cidade da Praia, 09 Set (Inforpress) – As autoridades municipais das cidades de Colleferro, Paliano e Artena, na Itália, realizam hoje por volta das 21:00 locais uma homenagem ao jovem cabo-verdiano Willi Monteiro, assassinado no passado sábado, 05, em Colleferro, nos arredores de Roma.
Segundo informações avançadas hoje à RCV pelo embaixador de Cabo Verde em Roma, Jorge de Figueiredo Gonçalves, uma pequena delegação da embaixada estará presente nesta cerimónia, na qual vão entregar duas mensagens de condolências, uma do Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, e outro do ministro dos Negócios Estrangeiros e Comunidades, Luís Filipe Tavares.
“Chegando lá, numa primeira fase, vamos à casa dos pais do Willi apresentaremos as condolências e todo o conforto possível e aproveitaremos a ocasião para proceder a entrega formal de duas mensagens de condolências recebidas de Cabo Verde”, adiantou à estação pública.
Após este gesto, a delegação da embaixada participará, conjuntamente com os três presidentes das câmaras municipais de Colleferro, Paliano e Artena, numa marcha que culminará com uma cerimónia religiosa em memória do cabo-verdiano.
Jorge Gonçalves descartou, mais uma vez, a possibilidade de ódio racional na morte do jovem, uma vez que, segundo informações das autoridades policiais, a briga inicial não era com o jovem cabo-verdiano, mas sim com o seu amigo italiano.
Neste momento, frisou, o sentimento no seio das comunidades cabo-verdiana e italiana é de “consternação, tristeza e de muita solidariedade”.
“Há todo um sentimento de revolta geral e é válido pelas autoridades italianas, pois há um pronunciamento sobre esse assunto do chefe de Estado Italiano, Sergio Mattarella, do primeiro-ministro, Giuseppe Conte, mas também do chefe máximo da polícia de Roma em que todos são unânimes em condenar essa acção indigna e todos apelam para que a justiça seja célere e contundente em relação aos prevaricadores”, salientou.
Willi Monteiro foi morto ao tentar socorrer um amigo italiano, que estava sendo agredido por outros italianos. Segundo informações, estes voltaram-se contra Willi, espancando-o até ficar em coma.
Os irmãos Gabriele e Marco Bianchi, além de Mario Pincarelli e Francesco Belleggia foram presos em flagrante na manhã seguinte ao crime, que aconteceu por volta das 02:00 de domingo, na cidade de Colleferro, a cerca de 50 quilómetros ao sul de Roma, capital italiana.
Segundo informações avançadas hoje pelo jornal DW, os acusados de espancar até a morte o cabo-verdiano Willi Monteiro negaram as agressões.
“Diante do juiz numa audiência preliminar na penitenciária de Rebibbia, esta terça-feira, 08, em Roma, onde estão detidos, os quatro acusados disseram ter apenas “apartado” uma briga na qual Willi teria se envolvido”, lê-se no jornal ‘online’, qua adiantou que esta quarta-feira será realizada a autópsia ao corpo da vítima.
Willi Monteiro, de 21 anos, filho de cabo-verdianos da ilha de São Nicolau, que há muitos anos vivem na pacata cidadezinha de Paliano, nasceu em Roma, mas actualmente residia na cidade de Colleferro.
Era estudante numa escola de hotelaria e jogava futebol na equipa principal da cidade.

Dans la même catégorie