AGP Gabon: L’Institut Français du Gabon rouvre ses portes au public AGP Gabon/Justice: Les séminaristes édifiés sur le nouveau Code civil gabonais APS CANCERS DU COL DE L’UTÉRUS ET DU SEIN : 90% DES FILLES VACCINÉES À KAFFRINE APS HUIT NOUVEAUX CAS DE COVID-19 AGP Gabon: Délibération du BEPC et CEP à partir de ce dimanche 25 octobre AIP Côte d’Ivoire-AIP/ COVID-19: Don d’une Fondation à des structures du ministère en charge de la Santé AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Présidentielle 2020: Des postes téléviseurs et décodeurs offerts aux chefs de village du secteur Sud de Niakara AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Présidentielle 2020: Reprise des activités économiques à M’Bahiakro suite au couvre-feu GNA HUAWEI introduces huge storage, stellar audio setup Y6s smartphone GNA NPP’s number one position is a step forward- Veep

José Pedro D´Oliveira elege reforço das relações culturais e trocas comerciais como prioridade da sua missão no Brasil


  22 Septembre      5        Diplomatie (816),

   

Cidade da Praia, 22 Set (Inforpress) – O novo embaixador de Cabo Verde no Brasil, José Pedro Chantre D´Oliveira, apontou hoje o reforço das relações culturais e das trocas comerciais e económicas entre os dois países, como prioridades da sua missão.
O embaixador, que já está de malas feitas para Brasília, falava à imprensa à saída de uma visita de cortesia ao Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, um encontro que serviu para mais uma vez apresentar ao Chefe de Estado cabo-verdiano o seu compromisso para, condignamente, representar Cabo Verde.
“As relações entre Cabo Verde e o Brasil historicamente estão facilitadas. Vamos com intenções de colocar mais uma pedrinha nesta ponte diplomática e também de afectividade que já existe pela própria história dos dois povos”, disse.
Questionado sobre os projectos e as inovações que vai introduzir para incrementar as relações entre os dois Estados, José Pedro D’Oliveira falou concretamente dos sectores cultural e das trocas comerciais e económicas.
“Há vários sectores de cooperação, mas sobretudo vamos começar pelos sectores culturais e tentar inovar e desenvolver um pouco mais as possibilidades para que as trocas comerciais e económicas se tornem mais visíveis”, disse.
Admite, contudo, que devido à pandemia da covid-19, poderá não ser possível fazer “tantas coisas nos primeiros tempos como se estivesse numa época normal”, já que o Brasil é um dos países mais afectados pela pandemia.
José Pedro Chantre Oliveira, que é empresário e natural de Santo Antão vai substituir no cargo o embaixador Domingos Mascarenhas que foi exonerado do cargo em Março de 2019.

Dans la même catégorie