LINA Submitting ‘Credible’ Budget, MFDP Admits Wage Parity, Not Civil Servant Pay Cut LINA Ensuing Prosecution Of Past ‘Corrupt’ Officials A Warning To Current LINA Pres. Weah Eulogizes Sen. Dagoseh, Signs Book Of Condolence AGP Gabon/Fixation du prix du transport : «C’est du seul ressort des pouvoirs publics !» AGP Gabon/Baccalauréat 2019 : Un démarrage comme sur des roulettes APS PRÉVALENCE CONTRACEPTIVE : UN TAUX DE 24 % AU SÉNÉGAL (UNFPA) APS LE PROCUREUR DE LA RÉPUBLIQUE INVITÉ À EXPLOITER LES 19 DOSSIERS REÇUS DE L’OFNAC APS ABDOULAYE BIBI BALDÉ MILITE POUR UNE BANQUE POSTALE APS JOJ DAKAR 2022 : IBRAHIMA WADE NOMMÉ COORDONNATEUR DU COMITÉ D’ORGANISATION APS CHEIKH AHMETH TIDIANE BÂ , NOUVEAU DIRECTEUR GÉNÉRAL DE LA CAISSE DES DÉPÔTS ET CONSIGNATIONS

Lilison expõe suas obras no Centro Cultural português


   

Bissau, 06 Out 17 (ANG) – O músico e artista plástico guineense que há mais de dezasseis anos se encontra radicado no Canada expos quinta-feira as suas obras no Centro Cultural Português, em Bissau.

Trata-se da segunda exposição de quadros de diferentes tamanhos produzidos por Lilison Sousa Cordeiro desde que regressou a terra natal há dois anos.

A exposição aberta sob o lema « Terra e Tinta », apresenta obras feitas a base de matéria-prima que segundo Lilison « muitos não acreditam que têm grande importância para o uso humano ».

Em declarações a imprensa, Lilison Sousa Cordeiro destacou que enquanto Músico e Artista Plástico « Guineense e Canadiano », tinha e ainda tem como desafio trabalhar para o avanço e projecção da Cultura dos seus dois povos.

« Sinto que devo e tenho a obrigação de contribuir para o avanço da cultura do meu país. Ao andar pelas ruas de Bissau, vejo em diferentes bairros, lixos, sacos de plásticos, bidões de óleos esvaziados de um lado para outro, são matérias-primas que aproveitei, para construir algo que pode ser usado pelos guineenses assim como estrangeiros « , disse Lilison Sousa Cordeiro.

Aquele criador artístico, realçou por outro lado que os quadros exibidos têm diferentes preços, e que os preços são fixados de acordo com o material usado para a sua criação.

Questionado sobre as perspectivas para o futuro, o autor de « Terra e Tinta », revelou que, em breve, terá que regressar ao Canada devido a um assunto de urgência. Entretanto, deixou garantias que mesmo no exterior continuará a dar o seu tudo para a Guiné-Bissau, em termos de Cultura.

Antes de se emigrar para o Canadá, Lilison actuava com o grupo musical, Nkassa Cobra. Cantava e tocava percursson. No Canadá tem animado muitas noites em salas de espetáculos e convívios particulares, em actuações a solo. ANG/LLA/SG

Ensino

Dans la même catégorie