NAN NDLEA arrests 178 drug offenders, secures 29 convictions in Sokoto APS Un partenariat public-privé préconisé au bénéfice de la santé en Afrique APS Ségolène Royal :  »L’Afrique doit valoriser son potentiel technologique » AIP Côte d’Ivoire: La mairie d’Adiaké menace de retirer 85 lots à des acquéreurs AIP Côte d’Ivoire/ Environ 2500 du Béré attendus au congrès constitutif du RHDP AIP Côte d’Ivoire/ Vers la mise en place de points focaux pour le développement de la région du Gbêkê AIP Côte d’Ivoire: L’illettrisme à la base de la vente de produits périmés dans le Worodougou et le Béré (DR Commerce Séguéla) AIP Côte d’Ivoire: L’amélioration des conditions de vie de la femme au centre d’une consultation à Oumé NAN Nigeria to access $100m Indian loan to develop nationwide broadband connectivity APS Des activistes prônent des  »réformes institutionnelles indispensables pour renforcer les normes démocratiques »

Ministério de Defesa Nacional organiza seminário sobre política ambiental


Bissau, 15 Jun 17 (ANG) – O Ministério da Defesa promoveu hoje o segundo encontro sobre a política nacional do ambiente e desenvolvimento sustentável.
Foto Arquivo Intervindo no encontro, o Presidente do Instituto da Defesa Nacional (PIDN) Augusto Mário Có, disse que a Guiné-Bissau é um pais costeiro e exposta aos fenómenos naturais e antrópicos destrutivos e de efeito catastrófico.

segundo aquele responsável, este flagelo coloca em evidência a necessidade do Estado assegurar as funções vitais assim como a segurança e o bem-estar das populações.
Augusto Mário Có assegurou que a adequada eficiência na gestão dos recursos naturais do pais permite manter o equilíbrio ambiental de que
depende a maioria da população para a sua sobrevivência.

“Por isso, quero aqui sublinhar que a política nacional do Ambiente para o Desenvolvimento Sustentável, deve ser assumida pelo governo
através da definição da política de Defesa Nacional, como sendo documentos condicionantes de mais alto nível do planeamento das acções
destinadas a Defesa Nacional, coordenadas pelo Ministério da Defesa”, disse.

De acordo com Mário Có, o Instituto de Defesa Nacional, a União Internacional da Conservação de Natureza e o Instituto da Biodiversidade e das Áreas Protegidas elaboraram um projecto de repovoamento florestal denominado “Projecto de 10 milhões de árvores”, que tem como objectivo dar um significado suplementar a presença dos militares e paramilitares no terreno, através da sua implicação na restauração do património florestal e ambiental.

Por seu turno, o Consultor Nacional do Ministério de Ambiente, Mamadu Bandje, reiterou que as gerações vindouras deste pais também precisam
de usufruir de tudo o que a natureza oferece, razão pela qual apela a todo os cidadãos guineenses a salvaguardarem a natureza ambiental para amanhã servir os mais novos.

Mamadu Bandje realçou, por outro lado, que o potencial natural de que o pais se depõe, deve ser convertido de uma forma equilibrada em eneficio de todos os guineenses.
ANG/LLA/SG

Dans la même catégorie