AGP Gabon/Covid-19: Une opération d’appui aux personnes vulnérables lancée à Libreville AGP Gabon: Le Syndicat la Sentinelle souhaite des réformes profondes de la Marine marchande AIP 69 nouveaux cas de COVID-19 le 19 septembre 2020 (Ministère) AIP Présidentielle 2020: La coordination RHDP de Gbêkê 2 lance la précampagne du candidat Alassane Ouattara AIP Une campagne contre la poliomyélite lancée à Béoumi APS INONDATIONS : 1.903 MÉNAGES SINISTRÉS DANS LA RÉGION DE KAFFRINE APS AUTOSUFFISANCE EN RIZ : MACKY SALL MISE SUR LE RIZ DE PLATEAU APS AGRICULTURE : MACKY SALL DIT ÊTRE SATISFAIT DE L’ÉTAT DES CULTURES AGP Mamou/Présidentielle: Début de l’opération de distribution des cartes d’électeurs AGP Kindia/Présidentielle : 66 commissions administratives de distribution des cartes d’électeurs

Moda: “Desfilar para marca italiana Dolce&Gabbana abriu-me as portas para outras marcas” – modelo


  21 Juillet      9        Mode (17), Photos (4175),

   

Cidade da Praia, 21 Jul (Inforpress)- O modelo cabo-verdiano Anilton Cabral, que desfilou na Semana de Moda Masculina de Milão, no passado dia 15, para a marca italiana Dolce&Gabbana, garantiu hoje que o evento abriu lhe portas para desfilar para outras marcas.
O modelo, natural da Cidade da Praia, que desde 2017 faz parte da Agência de modelo internacional , a Da Banda Models Management, fez a sua estreia neste desfile internacional dos criadores Domenico Dolce e Stefano Gabbana, que apresentaram uma colecção formada por “padrões de linhas arquitectónicas e mosaicos de cerâmica”.
Em declarações à Inforpress, este jovem de 23 anos disse que a sua estreia na Semana da Moda Masculina de Milão foi com “pé direito”.
“Simpatizaram comigo logo no ‘casting’ e depois daí as coisas aconteceram. Foi um show simplesmente maravilhoso” disse, acrescentando que foi algo com que sempre sonhou, mas que também trabalhou muito para concretizá-lo.
Durante a semana de moda, contou que teve a oportunidade de dividir a passarela com ‘top models’ que só seguia via Instagram e que isto também está a lhe permitir desfilar para outras marcas.
“Desfilando para poderosa marca italiana Dolce&Gabbana, conhecida mundialmente, com certeza vai me ajudar, mais rápido, a abrir as portas das outras marcas, e isso já está acontecendo”, regozijou-se.
Desde que chegou ao Milão, disse que, seguindo todas as medidas de segurança, tem trabalhando praticamente todos os dias pelas marcas Império Armani, Dolce&Gabbana , Cristiano Barbore, the corner.com, Dir Bikkemberrg, Paolo Rutigliano entre outras, e também tem feito editoriais para revistas.
Apesar de ter ficado algum tempo parado, devido à situação da pandemia do novo coronavírus, Anilton Cabral garantiu que nos próximos meses vai estar ocupado, pois já tem confirmado várias novidades.
Longe de casa e dos familiares, confessou que não tem sido fácil enfrentar essa situação provocada pela covid-19, que afectou a sua vida universitária e profissional.
A permanecer em Milão por tempo indeterminado, o agenciado da Da Banda Model Management iniciou a sua carreira internacional na África do Sul , com a sua participação nas campanhas de Verão 2020 para Celio e Brooks Brothers.
O primeiro desfile internacional do modelo cabo-verdiano de 23 anos de idade foi em 2019, quando participou na Lisboa Fashion Week, na apresentação da nova colecção do estilista Nuno Gama.
No mesmo ano, desfilou no Cabo Verde Fashion Week 2019, ocorrido em finais de Março, na cidade do Mindelo.
O interesse para este ofício, segundo contou à Inforpress, ganhou força depois de ter vencido os concursos Mister Liceu Domingo Ramos (Praia) e Mister Inter-liceus, todos em 2014/15.
O primeiro passo de Anilton Cabral como modelo foi dado, conforme informou, na mesma época, com a assinatura do contrato profissional com a agência Vaiss Models.
Mais tarde, informou, decidiu sair da Vaiss Models e apostar numa carreira a solo até que em Outubro de 2017 assinou um contrato com uma agência de modelo internacional, a Da Banda Models Management.

Dans la même catégorie