ANP Le Gouverneur de Tahoua reçoit le prix remporté par le lutteur Noura Hassan ANP Assemblée générale élective de l’association régionale de football de Dosso « Abdou Boubacar dit Siddo réélu pour un mandat de quatre ans » MAP Dialogue national: Macky Sall va recevoir les 19 candidats à la présidentielle et les recalés lundi (officiel) MAP Trophée Hassan II/Coupe Lalla Meryem de golf: LL.AA.RR le Prince Moulay Rachid et la Princesse Lalla Meryem président la cérémonie de remise des prix MAP Abuja: La CEDEAO décide de lever des sanctions contre le Niger MAP Sénégal: Plusieurs personnes manifestent dans le calme à Dakar pour réclamer la tenue de la présidentielle MAP RDC: Trois morts dans une altercation entre la police et les Bena-Mwembia MAP Togo: Le président décale la date des élections législatives d’une semaine MAP Ligue des champions d’Afrique (Groupe B/5e journée): Victoire du Wydad de Casablanca sur Jwaneng Galaxy par 1 à 0 MAP Abuja: Sommet extraordinaire de la CEDEAO sur la situation politique et sécuritaire dans la région

Parlamento: UCID vai questionar Governo sobre construção de infra-estruturas de saúde “várias vezes orçamentadas”


  5 Décembre      30        Politique (24719),

 

Mindelo, 05 dez (Inforpress) – A União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID, oposição) vai questionar o Governo sobre a construção de infra-estruturas que. apesar estarem no Orçamento do Estado 2024, “muitas já haviam sido orçamentadas” em 2022 e 2023 e “não foram executadas”.
Em conferência de imprensa hoje, no Mindelo, a deputada Zilda Oliveira, em antevisão ao debate parlamentar com a ministra da Saúde, disse que o seu partido quer saber sobre a construção de centros de saúde em diversos municípios, a maternidade e pediatria e a Unidade de Cuidados Intensivos no Hospital Baptista de Sousa (HBS), a conclusão do Centro Ambulatorial, o Centro de Simulação Médica e o Centro Técnico de Manutenção de Equipamentos Médicos na Praia.
“Ambulâncias para o programa de emergência médica em alguns municípios, equipamentos e consumíveis, o aparelho de TAC para o HBS, são também preocupações que levaremos ao debate”, afirmou a deputada para quem também são necessárias novas contratações, formação e capacitação do pessoal para responder às necessidades das estruturas do País, cujo número, considerou, está ainda “aquém das recomendações” da Organização Mundial da Saúde (OMS), que estipula dois a três trabalhadores por habitante.
Segundo Zilda Oliveira há também problemas com transferências internas de doentes que são, muitas vezes, “condicionadas por falta de ambulâncias nos municípios/ilhas” bem como pelo “deficitário sistema de transporte”, além de serem “muito caras” para o sistema de Saúde quando realizadas por via aérea.
Quanto às transferências externas de doentes, considerou que é necessário acelerar o processo e criar, lá onde possível, capacidade de resposta a nível nacional.
“Mostra-se necessário, desde há muito, encontrar melhores políticas de transferência de doentes interna e externa, o que obriga à criação de condições em infra-estruturas, equipamentos de diagnóstico e investimentos na especialização do quadro de pessoal”, afirmou.
Igualmente, adiantou, a UCID vai levar a preocupação relativamente à humanização dos serviços e à necessidade de aumentar a capacidade de resposta em atendimento, internamento e tratamento, e de combate ao estigma e à discriminação.
A eleita também destacou o agendamento da iniciativa que irá estabelecer as bases para o transplante renal.
A primeira sessão plenária do mês de Dezembro da Assembleia Nacional principia na quarta-feira, 06, na Cidade da Praia.

Dans la même catégorie