ANGOP L’UE consacre 12 millions d’euros aux programmes de résilience ANGOP La Réserve fédérale accompagne les réformes économiques en Angola ANGOP L’Angola et les Etats-Unis reprennent l’accord sur le commerce ANG Transferência de João Félix por 120 milhões de euros pulveriza recordes AGP Conakry-Kaloum: Les conseillers communaux valident l’application du Plan de Développement Local ANG Presidente da República nega nomeação de DSP ao cargo de primeiro-ministro AGP Conakry: Fin des travaux de la conférence intergénérationnelle des femmes et filles leaders pour la paix et la sécurité AGP Évasion ratée: Un fugitif réembarqué avec une balle dans la jambe AGP Koundara : un poste de santé pour les populations du district de Guingan APS DES DÉCIDEURS GOUVERNEMENTAUX FORMÉS À LA SÉCURITÉ SANITAIRE

Paula Moeda pede “mais amor e equilíbrio” entre homens em conversa aberta sobre VBG


  20 Mars      20        LeaderShip Feminin (445), Société (49904),

   

Praia, 20 Mar (Inforpress) –  A vice-presidente da Federação de Mulheres do PAICV (FNM-PAI), Ana Paula Moeda, defendeu que é preciso “mais amor e maior equilíbrio” entre homens e mulheres, realçando que muitas vezes a Violência Baseada no Género (VBG) vem de “grandes paixões.”
Ana Paula Moeda falava a propósito da conversa aberta sobre VGB, sob o título “VBG visto pela sociedade civil e serviços públicos, duas visões e mesmo destino”, organizada pela FNM-PAI e que tinham como convidado os procuradores Inisabel Marques e Vital Moeda.
Segundo a responsável, esta conversa surgiu no sentido de chamar organizações da sociedade civil, especialistas formadas em direito, procuradores da República, homens e mulheres para partilhar a sua visão, o sentimento deles e a experiência deles na aplicação da lei de VGB.
É que, conforme a mesma fonte, a relação em família tem que ser “mais trabalhada” e, para além disso, deve-se combater as causas da VGB, que, apesar de ser pouco falada, é também “muito frequente no namoro”.

Dans la même catégorie