AGP Gabon/Agriculture: Les ministres de la CEEAC en conclave à Libreville AGP Gabon/Education: La CONASYSED réclame les travaux du dialogue social AGP Gabon: Les centrales syndicales des agents publics lancent un mouvement d’humeur MAP Côte d’Ivoire/présidentielle : un mort et des blessés dans des affrontements MAP Hausse de 51% des engagements de la BAD en faveur des Etats fragiles sur 2014-2019 MAP Gabon : découverte des plus hautes mangroves du monde atteignant 60 mètres ANP Lancement des travaux de construction de la cimenterie de Kao : Concrétisation d’un projet longtemps attendu ! APS LES CHANTIERS DE L’OMVG RÉALISÉS À 95 % À KAOLACK (SG) APS MATAR BÂ PARTICIPE À UN SOMMET INTERNATIONAL SUR LA LUTTE CONTRE LE DOPAGE GNA UN 75th Anniversary: Time for sober reflection

Porto Novo: Comunidades continuam isoladas mas obras de reparação das estradas começam segunda-feira


  28 Septembre      4        Société (23929),

   

Porto Novo, 28 Set (Inforpress) – As comunidades da Ribeira dos Bodes e Ribeira Fria, no interior do município do Porto Novo, em Santo Antão, cujas estradas de acesso foram cortadas durante as recentes chuvas, continuam isoladas, segundo as populações.

Adilson Gomes, porta-voz da população em Ribeira Fria, confirmou à Inforpress que a estrada de acesso continua cortada, encontrando-se essa comunidade agrícola ainda isolada para a preocupação dos habitantes.

Em Ribeira dos Bodes, Manuel Silva, morador, avançou também que a via de acesso ao povoado continua intransitável.

Porém, a câmara do Porto Novo, na sequência de um levantamento feito aos estragos provocados pelas chuvas, decidiu priorizar a reposição das estradas de ligação à Ribeira Fria e Ribeira dos Bodes, cujas obras vão começar a partir da segunda-feira, 28.

Através de uma nota, a edilidade porto-novense informou que, “de momento”, a prioridade vai para a resolução do problema de acesso às comunidades da Ribeira Fria e Ribeira dos Bodes, mas também para recuperação das inúmeras habitações, que ficaram afectadas pelas chuvas.

Uma outra situação que preocupa, tem a ver com a reposição da passagem que liga a zona de Lagoa a Catano, na Ribeira das Patas, segundo a autarquias, que garante estar “a fazer tudo” para repor a normalidade, neste município, alvo de “muitos estragos” a nível das vias de acesso e das habitações.

Dans la même catégorie