Inforpress Atletismo: Câmara Municipal de São Domingos promove 1ª edição da Corrida Febreru Inforpress Carnaval/São Nicolau: Responsáveis dos grupos expressam “tristeza e compreensão” por um ano sem desfiles Inforpress Mosteiros: Criação de agência municipal para atrair oportunidades de investimentos é apostas da câmara ANP Trafic d’armes à Tahoua : 6 personnes arrêtées et une importante quantité d’armes, de minutions et de carburant saisie à Kao AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Les pompiers civils, des agents de développement en mission (feature) AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Création d’un marché des capitaux islamiques de l’UMOA (communiqué) GNA Rawlings’ Legacy: Economic Reforms and Impact on the ordinary Ghanaian GNA KMA to evict traders from pavement by February 1 GNA Census Management Team solicits MOFA’s support GNA P’Bay’s ‘Steppa’ single sparks viral dance challenge

Porto Novo/Tarrafal de Monte Trigo: Mar agitado condiciona faina pesqueira e coloca em alerta as famílias


  21 Décembre      12        Société (27799),

   

Porto Novo, 21 Dez (Inforpress) – O mar começa a ficar agitado no Tarrafal de Monte Trigo, no interior do Porto Novo, em Santo Antão, condicionando a faina pesqueira nessa zona e colocando em alerta as famílias que moram na orla marítima.

O presidente da Associação dos Pescadores no Tarrafal de Monte Trigo, Isaías Pires, disse à Inforpress que, nos últimos dias, o “mar alto” que se faz sentir nessa zona piscatória tem estado a condicionar a faina das embarcações de boca aberta e já começa a preocupar as pessoas que vivem na zona de Praia.

Todos os anos, por esta altura, o mar do Tarrafal de Monte Trigo começa a ficar revolto para aflição dos pescadores e dos moradores na zona de Praia, cujas casas ficam expostas à acção rigorosa do mar, neste período, pondo em risco a vida das famílias.

O mar do Tarrafal de Monte Trigo, quando fica agitado, uma situação que se pode prolongar por um período de três a quatro meses, além de paralisar a pesca, destrói ainda o campo de futebol, a estrada e outras infra-estruturas nessa zona.

Os pescadores insistem, por isso, na necessidade de se avançar com a construção de um cais de pesca e do muro de protecção das casas na baia do Tarrafal de Monte Trigo, expostas à “acção severa” do mar, nesta altura do ano.

Dans la même catégorie