AGP Kérouané/football : Accueil triomphal de l’équipe préfectorale après sa montée en ligue 2 AGP Kindia/société: Les citoyens de Bangouya impactés par le projet du barrage Souapiti demandent l’aide de l’Etat AGP Dubréka/éducation : Atelier d’évaluation des élèves du CE1 en français et Mathématiques ABP Environnement / Les populations du Mono invitées à observer la loi interdisant l’utilisation des sachets plastiques non biodégradables ABP Education / Donga/Education : Trois collèges primés à Djougou pour l’excellence et zéro cas de grossesse GNA Europe’s new car registrations continue to decline ABP Justice: Quarante dossiers inscrits au rôle de la session criminelle au tribunal de Lokossa ABP Education / Plus d’une centaine d’aspirants aux métiers d’enseignants renforcent leurs capacités sur le minimum pédagogique requis ABP Politique / « Nous devons saluer la candidature du président Talon pour la continuité de la dynamique » dixit Maxime Allossogbé GNA Samsung heir sentenced to 2.5 years in prison for corruption

Programa de apoio aos agricultores prevê atingir 60% de penetração de rega gota-a-gota a nível nacional -PM


  22 Décembre      21        Agriculture (1831),

   

Pedra Badejo, 22 Dez (Inforpress) – O primeiro-ministro anunciou hoje que o programa de subvenção de instalação do sistema de rega gota-a-gota, num montante de 120 mil contos, prevê atingir 60 por cento (%) ou mais de penetração de rega gota-a-gota a nível nacional.

“Estamos num momento muito importante e que comprova a nossa aposta forte no desenvolvimento da agricultura, ou seja, uma agricultura inteligente, assim como classificamos, tendo em conta que em Cabo Verde temos pouca terra arável e pouca água, mas temos muita força, energia e capacidade de trabalho”, disse Ulisses Correia e Silva no acto de lançamento oficial do referido programa do Governo, que principiou hoje a partir da Ribeira dos Picos, Santa Cruz.

Daí que, segundo o primeiro-ministro, para que possa haver maior produção na agricultura é precisar gerir melhor a água, associá-la às energias renováveis, criar mecanismos de financiamento, dar formação e capacitação e criar acessibilidades para que o produto cultivado possa chegar no mercado.

Relativamente à água, lembrou que a aposta do Governo, desde a primeira hora, foi na dessalinização de água para a agricultura, desde a água salobra à água do mar, mas admitiu que só essa “alternativa” não é suficiente.

É que, segundo o chefe do Governo, onde há água subterrânea tem que ser utilizada da melhor forma, daí a razão que leva o executivo a apostar no sistema de rega gota-a-gota, que, conforme lembrou, além de reduzir custo de produção, vai permitir poupar a água e regar mais áreas de produção.

Além dessa subvenção, em que cada agricultor a nível nacional vai beneficiar de um tecto máximo de 75 contos ou 2500 metros quadrados de terreno, lembrou que o executivo está ainda a dar incentivos fiscais e aduaneiros para aquisições de equipamentos para a agricultura.

“Este programa tem que ser aproveitado, de facto, porque a nossa intenção é atingir 60 por cento (%) ou mais em todo o País de penetração de rega gota-a-gota”, vaticinou.

Este programa, conforme explicou, está associado às energias renováveis, isto porque, disse, é necessário que se baixe o custo de produção para que os homens do campo possam produzir com menos encargo, para que possam ter mais rendimento, e para que o produto possa chegar ao mercado com um preço “muito baixo”.

Nesse sentido, indicou que no âmbito do referido programa vão massificar a rega gota-a-gota que representa actualmente 41%, cuja meta é atingir 60% ou mais, com a utilização de novas tecnologias, dessalinização, reutilização de águas residuais e associação às energias renováveis.

Por sua vez, o presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz, Carlos Silva, considerou o referido programa de uma “grande oportunidade”, tendo instado os agricultores para aproveitaram-no, para que o sistema de rega gota-a-gota seja massificado nesse município do interior de Santiago.

Por outro lado, reconheceu que este programa vai modernizar a agricultura, poupar água e fazer com que haja maior produção, visando desenvolver a Ribeira dos Picos e Cabo Verde através deste sector agrário.

Ao usar da palavra, o presidente da Associação dos Agricultores da Ribeira dos Picos, Benjamim Mendes, disse que este programa veio em “boa hora”, e que vai “arrumar” o sector da agricultura.

Segundo o autarca, com programa os agricultores vão poder colocar o “pão à mesa” de forma “condigna”, daí o apelo para que todos aderissem ao mesmo, a fim de terem mais área irrigada e maior produção.

Entretanto, aproveitando a presença do chefe do Governo, pediu mais formação e capacitação para que possam melhorar as suas culturas, tendo as autoridades assumido o compromisso de criar um programa para tal a nível nacional.

No acto estiveram ainda presentes o ministro da Agricultura e Ambiente, Gilberto Silva, deputados nacionais, administração da empresa Intermunicipal Águas de Santiago (AdS) e da empresa pública Água de Rega (AdR) e agricultores de Ribeira dos Picos.

Além do lançamento do programa de subvenção de instalação do sistema de rega gota-a-gota em Santa Cruz, o primeiro-ministro, que se encontra de visita ao interior de Santiago durante dois dias, se inteirou do andamento da obra de reabilitação da estrada Cutelo – Fundura, incluindo ponte de Órgãos Cutelo, em São Lourenço dos Órgãos.

Da parte da tarde, o chefe do governo manteve uma “conversa aberta” com os jovens e empreendedores do Tarrafal.

Na terça-feira e último dia da visita, Ulisses Correia e Silva vai ser recebido às 09:00, na Câmara Municipal do Tarrafal, para depois visitar um conjunto de obras em curso naquele município.

No mesmo dia, às 18:00, o primeiro-ministro vai inaugurar a electrificação da localidade de Poilão, em Ribeira do Engenho, no município de Santa Catarina, marcando assim o término da sua visita de dois dias ao interior de Santiago.

FM/JMV

Dans la même catégorie