AIP Le PASRES renforce les capacités des doctorants en rédaction de projets de recherche AIP Un appui institutionnel recommandé pour la réussite des missions de l’ARTI AIP Le ministre Esmel Essis présente le dispositif de promotion de l’entrepreneuriat de la Côte d’Ivoire AIP Des femmes initient une journée de réconciliation à Lakota AIP Les responsables de l’éducation apportent leur assistance aux mineures séquestrées à Grand-Lahou GNA NPP youth group congratulates Deputy Attorney General-designate GNA President Akufo-Addo is my friend and Mpiani my in-law- ET Mensah GNA NaSIA extends school licensing and registration to December GNA SEWASS 1994 year group cautions students against gambling AMAP Régulation du secteur des motos taxis : le délai de grâce prend fin le 30 avril Le boom de ces engins suscite un grand engouement auprès de la population

Santa Cruz: Quinze jovens agricultores termina formação sobre género


  25 Février      13        Agriculture (2048),

   

Pedra Badejo, 25 Fev (Inforpress) – Quinze jovens agricultores do município de Santa Cruz terminaram nesta quarta-feirauma formação sobre o género, visando prepará-los para que possam trabalhar na questão da transversalidade do género em toda a cadeia do sector agrícola.
A acção formativa, que teve duração de dois dias, foi uma iniciativa da Coopermodo, em parceria com a Câmara Municipal de Santa Cruz, no âmbito do projecto “Terra Verde”.
No curso, que contou com presença de sete jovens de sexo masculino e oito do sexo feminino, de 10 localidades desse município do interior de Santiago, foram abordados temas como género e agricultura, violência baseada no género e entre outros.
Segundo a vereadora do Desenvolvimento Económico e Social, Jamira Duarte, esta formação teve ainda como objectivo reforçar as competências dos beneficiários desse projecto sobre a questão de cooperativismo e associativismo para que possam valorizar toda a cadeia do sector agrícola.
E tendo em conta que, segundo ela, o sector agrícola é um “grande potencial” de Santa Cruz, faz todo o sentido reforçar as competências humanas, visando agregar valor para que se possa desenvolver esse sector na plenitude.
“Não podemos falar do desenvolvimento agrícola sem termos pessoas capacitadas (…). E a valência desse projecto [Terra de Valor], é sobretudo reforço de competências em toda a cadeia do sector agrícola para que possamos ter jovens e mulheres capacitadas para revolucionarem este sector, desde a produção até o escoamento do produto até o mercado”, defendeu.
Segundo informações da autarquia, mais um grupo de 15 jovens e mulheres vai igualmente, receber uma acção de capacitação semelhante, entre esta quinta-feira e sexta-feira.
O projecto “Terra de Valor”, orçado em mais de 260 milhões de contos, é co-financiado pela Agência Italiana de Cooperação para o Desenvolvimento (AID 011878).
O mesmo é uma parceria entre a COOPERMONDO, COSPE onlus, Citi-Habitat, Laço Branco, Comité Regionais Parceiros (CRP) Santiago Norte, Comité Regionais Parceiros (CRP) Ilha do Fogo, Instituto Nacional de Desenvolvimento Agrário (INIDA), Direcção Geral de Agricultura, Silvicultura e Pecuária (DGASP) e Câmara Municipal de Santa Cruz.
FM/JM V

Dans la même catégorie