APS L’AGENDA VERT AU CŒUR DU PARTENARIAT ENTRE DAKAR ET L’UE (AMBASSADRICE) APS MACKY SALL DEMANDE UN RAPPORT NATIONAL SUR LA SITUATION DES MARCHÉS APS NGAPAROU : INAUGURATION D’UNE ZONE ÉCOLOGIQUE COMMUNAUTAIRE ABP « Chacun des béninois peut être riche de son travail et non de l’argent de nous tous » dixit Patrice Talon ABP La ville de Grand-Popo fait sa toilette pour recevoir le chef de l’Etat ABP L’initiative « Bénin commune connect » au cœur d’une séance d’échange à Avrankou ABP Patrice Talon pour une élection présidentielle ouverte à tous ABP L’UNHCR et le CNR appuient le Ceg Vèdoko en matériel anti-Covid AIP Les nouveaux élèves de sixième du Collège Nanan Boa Kouassi III officiellement intégrés AIP Cote d’Ivoire-AIP/12 nouveaux cas de Covid-19 et 10 guéris

São Miguel: Comunidades de Espinho Branco e Mato Correia celebram festa litúrgica em honra de São João Paulo II


  23 Octobre      11        Société (25218),

   

Cidade da Calheta, 23 Out (Inforpress) – Os fiéis católicos de Espinho Branco e de Mato Correia, zonas altas do concelho de São Miguel, celebraram quinta-feira a festa litúrgica em honra do Santo padroeiro, São João Paulo II, pedindo a interceção deste junto a Deus.
Segundo o padre José Cabral, da Paróquia de Santo Amaro Abade, no município do Tarrafal, que presidiu a cerimónia eucarística, a mensagem que João Paulo II traz é de “esperança e de amor”, pois por onde ele passou, em vida, levou sempre a palavra de esperança e de amor de que todos precisavam.
“Estamos num mundo de tantas informações e de tantas notícias, mas poucas delas é que nos libertam e alegram e as notícias de boa nova que João Paulo II levava era sempre mensagens que enchia os nossos corações e que parece que até ainda hoje tem estado a actuar nos nossos corações, mas a nossa sociedade precisa voltar a ouvir essas notícias de libertação e de paz”, advogou.
O Papa João Paulo II, sublinhou, era um especialista na humanidade e um “homem que conheceu verdadeiramente a dor da humanidade”, por isso neste dia em que celebram a missa em sua honra pedem que ele interceda junto à Deus para que possam viver livre desta pandemia.
“Temos um santo intercessor no céu, um santo do nosso tempo que conhece a nossa angústia, inclusive esta pandemia que nós sabemos que não é por acaso, é fruto do pecado do homem e João Paulo II durou a lutar e a pedir que convertemos e nós acreditamos que junto de Deus no céu ele continua a interceder por nós”, frisou.
Assim como João Paulo II foi um peregrino de “amor de boas novas”, o padre pede a todos os fiéis que sejam também um peregrino de “esperança e de amor” e sejam ainda um portador de “boas novas”, levando a mensagem para todos que estão no “fundo do poço” de que ainda há esperança.
Celina Mendes, uma das moradoras de Mato Correia que assumiu, em 2015 (ano em que esta localidade começou a celebrar o seu santo padroeiro), o compromisso de ser uma juíza perpetua, disse à Inforpress que é com “grande orgulho e felicidade” que que celebram esta festa, apesar do contexto difícil que o mundo atravessa devido a essa pandemia.
Contudo, frisou, mesmo neste momento de restrições devido à covid-19 a sua porta continua aberta para receber todos os que participaram nesta celebração em honra do santo protector desta comunidade.
Nascido em 18 de Maio de 1930 em Wadowice, Polónia, João Paulo II, nome assumido por Karol Józef Wojtyła e, desde 2014, São João Paulo II, foi o papa e chefe da Igreja Católica de 16 de Outubro de 1978 até à data de sua morte, em 2 de Abril de 2005.
João Paulo II teve o terceiro maior pontificado documentado da história, liderando por 26 anos, 05 meses e 17 dias, depois dos papas São Pedro, cujo pontificado durou cerca de 37 anos, e Pio IX, que liderou por 31 anos.
Foi o único Papa eslavo e polaco até a sua morte, e o primeiro Papa não italiano desde o neerlandês Adriano VI, em 1522.
Em 02 de abril de 2005, morreu devido à sua saúde débil e o agravamento da doença de Paekinson.
Em 19 de Dezembro de 2009, João Paulo II foi proclamado “Venerável” pelo seu sucessor papal, o Papa Bento XVI. Foi proclamado Beato em 1 de Maio de 2011, pelo Papa Bento XVI na Praça de São Pedro no Vaticano.
Em 27 de abril de 2014, numa cerimônia inédita presidida pelo Papa Francisco, e com a presença do Papa Emérito Bento XVI, foi declarado Santo juntamente com o Papa João XXIII; sua festa litúrgica celebra-se no dia 22 de Outubro.

Dans la même catégorie