ANP L’état d’urgence prorogé dans deux départements de la région de Tillaberi (Ouest) ANP ‘’Les non affiliés’’ consacrés comme une 3ème catégorie des partis AGP CAN 2019 : les 24 équipes qualifiées désormais connues AGP Clôture du Programme National de la Réintégration Socioéconomique (PNRSE) AGP Journée mondiale du rein: « Les maladies rénales sont des maladies silencieuses » dixit Pr Alpha Oumar Salla Bah ANP Niger : Révocation de trois maires pour ‘’ irrégularités’’ dans la gestion AIP Côte d’Ivoire/ Le Comité de direction de la PABRA s’imprègne du fonctionnement du CNRA AIP Côte d’Ivoire/ Les femmes du mouvement Synergie ADO célébrées AIP Côte d’Ivoire/ Des leaders communautaires de Prikro sensibilisés sur la prévention de la fièvre de Lassa MAP 2è session de la Commission mixte Maroc-Libéria : Signature de plusieurs accords de coopération

São Vicente/Carnaval: Quarenta grupos de animação e cinco oficiais nas ruas do Mindelo a partir de sexta-feira


  24 Février      46        Arts & Cultures (2422), Musique (449), Photos (20697),

   

Praia, 24 Fev 2017 (Inforpress) – As ruas da baixa do Mindelo começam hoje a receber a animação de 40 grupos, durante quatro dias, uma espécie de aquecimento para terça-feira de Carnaval, destinada ao desfile dos quatro grupos ditos oficiais.
Contudo, mal entrou o mês de Fevereiro, os passos e os ritmos da batucada precipitaram-se em direcção às ruas e avenidas da baixa do Mindelo as quais vêm recebendo, aos fins-de-semana, o desfile de diversos grupos de mandingas.
Nos últimos anos, devido ao aumento constante do número de grupos de animação, a Câmara Municipal de São Vicente, que organiza a festa através de uma comissão organizadora, teve que intervir para coordenar a ordem de saída dos mesmos, ao longo dos quatro dias que antecedem o dia do Entrudo, este ano, terça-feira, 28.
A comissão organizadora distribuiu no início da semana o calendário dos desfilesSão Vicente/Carnaval: Quarenta grupos de animação e cinco oficiais nas ruas do Mindelo a partir de sexta-feira
A comissão organizadora distribuiu no início da semana o calendário dos desfile dos grupos de animação, a começar sexta-feira, 24, com nove grupos de escolas do Ensino Básico Integrado (EBI) e jardins-de-infância, das 09:00 às 16:00.
No sábado, 25, a previsão do número de grupos de animação que vão a desfile é de onze, das 10:00 às 17:00, numa mescla de escolas secundárias e grupos organizados de bairros do Mindelo.
Pode dizer-se que o domingo, 26, é o “dia grande” da animação carnavalesca em São Vicente, pois a programação indica o desfile de 16 grupos, das 15:00 às 17:30, cinco dos quais de mandingas, para além de grupos de crianças organizados, e com “peso” nos festejos da tradição, e de um Trio Eléctrico.
Segunda-feira, véspera do dia do desfile dos grupos ditos oficiais, tem como atractivo o cortejo da Escola de Samba Tropical, um das mais afamadas de Cabo Verde, com a particularidade de desfilar sempre à noite, juntando residentes e emigrantes que regressam por uns dias para brincar o Carnaval.
A tarde do dia de segunda-feira reserva ainda o desfile de algumas escolas secundárias da ilha, entre elas “José Augusto Pinto”, Liceu Ludgero Lima, “Jorge Barbosa” e Escola Técnica e, à noite, a anteceder o desfile do Samba Tropical, mais uma vez a Marcha da Ti Néne e Banda, dos Açores (Portugal).
E chega terça-feira do Carnaval com quatro grupos para um desfile que concentra as atenções da ilha, de Cabo Verde e da diáspora, a julgar pelo número de pessoas que, por esses dias, desembarca de barco e de avião na ilha de São Vicente.
Por sorteiro, ficou definido que o grupo de Monte Sossego, campeão do Carnaval em título, abre o desfile, às 14:30, e que cabe aos Vindos do Oriente encerrar o cortejo, às 16:00, com os grupos a entrar na Rua de Lisboa, onde se situa o palanque oficial, a cada meio hora, quer na primeira, quer na segunda passagem.
Assim, às 15:00 será a vez do grupo Flores do Mindelo, seguido dos Cruzeiros do Norte, às 15:30.
Relativamente aos temas dos enredos dos quatro grupos oficiais, Monte Sossego sabe-se que vai chegar à Rua de Lisboa com um enredo que conta a história da emigração, “contributo, percurso e história” e Vindos do Oriente pretende “explicar” através de andores, música, trajes e coreografia,os negócios da seda, com o tema a “Rota da Seda”.
O grupo Flores do Mindelo, por seu lado, quer ser “Os navegantes de mar alto” e Cruzeiros do Norte enforma o seu desfile com o sugestivo tema“A vida além da matéria”.
A Polícia Nacional, por seu lado, já divulgou o plano de segurança para o Carnaval 2017, o qual vai envolver todo o efectivo do comando regional, mais o reforço e a colaboração das Forças Armadas e da Polícia Judiciária, para materializar a operação.
Ano passado, o grupo carnavalesco do Monte Sossego classificou-se em primeiro lugar, com 673 pontos, destronando o grupo Vindos do Oriente, que reinara no ano anterior.
Monte Sossego arrebatou ainda os prémios de Mestre Sala, Porta-Bandeira, 2ª Dama e Rainha, e, no cômputo geral, levou vantagem de 60 pontos em relação ao segundo classificado, Vindos do Oriente, que totalizou 613 pontos.
Ao grupo Vindos do Oriente coube ainda, para além do troféu de 2º classificado, os prémios de Melhor Carro Alegórico, 2ª Dama e Rei do Carnaval 2016.
Na terceira posição classificou o grupo Cruzeiros do Norte, que somou 573 pontos, e ainda os prémios de Música do Carnaval, Rainha da Bateria e 1ª Dama.
No quarto e último lugar classificou-se o grupo Flores do Mindelo, com um total de 509 pontos.
dos grupos de animação, a começar sexta-feira, 24, com nove grupos de escolas do Ensino Básico Integrado (EBI) e jardins-de-infância, das 09:00 às 16:00.
No sábado, 25, a previsão do número de grupos de animação que vão a desfile é de onze, das 10:00 às 17:00, numa mescla de escolas secundárias e grupos organizados de bairros do Mindelo.
Pode dizer-se que o domingo, 26, é o “dia grande” da animação carnavalesca em São Vicente, pois a programação indica o desfile de 16 grupos, das 15:00 às 17:30, cinco dos quais de mandingas, para além de grupos de crianças organizados, e com “peso” nos festejos da tradição, e de um Trio Eléctrico.
Segunda-feira, véspera do dia do desfile dos grupos ditos oficiais, tem como atractivo o cortejo da Escola de Samba Tropical, uma das mais afamadas de Cabo Verde, com a particularidade de desfilar sempre à noite, juntando residentes e emigrantes que regressam por uns dias para brincar o Carnaval.
A tarde do dia de segunda-feira reserva ainda o desfile de algumas escolas secundárias da ilha, entre elas “José Augusto Pinto”, Liceu Ludgero Lima, “Jorge Barbosa” e Escola Técnica e, à noite, a anteceder o desfile do Samba Tropical, mais uma vez a Marcha da Ti Néne e Banda, dos Açores (Portugal).
E chega terça-feira do Carnaval com quatro grupos para um desfile que concentra as atenções da ilha, de Cabo Verde e da diáspora, a julgar pelo número de pessoas que, por esses dias, desembarca de barco e de avião na ilha de São Vicente.
Por sorteiro, ficou definido que o grupo de Monte Sossego, campeão do Carnaval em título, abre o desfile, às 14:30, e que cabe aos Vindos do Oriente encerrar o cortejo, às 16:00, com os grupos a entrar na Rua de Lisboa, onde se situa o palanque oficial, a cada meio hora, quer na primeira, quer na segunda passagem.
Assim, às 15:00 será a vez do grupo Flores do Mindelo, seguido dos Cruzeiros do Norte, às 15:30.
Relativamente aos temas dos enredos dos quatro grupos oficiais, Monte Sossego sabe-se que vai chegar à Rua de Lisboa com um enredo que conta a história da emigração, “contributo, percurso e história” e Vindos do Oriente pretende “explicar” através de andores, música, trajes e coreografia,os negócios da seda, com o tema a “Rota da Seda”.
O grupo Flores do Mindelo, por seu lado, quer ser “Os navegantes de mar alto” e Cruzeiros do Norte enforma o seu desfile com o sugestivo tema“A vida além da matéria”.
A Polícia Nacional, por seu lado, já divulgou o plano de segurança para o Carnaval 2017, o qual vai envolver todo o efectivo do comando regional, mais o reforço e a colaboração das Forças Armadas e da Polícia Judiciária, para materializar a operação.
Ano passado, o grupo carnavalesco do Monte Sossego classificou-se em primeiro lugar, com 673 pontos, destronando o grupo Vindos do Oriente, que reinara no ano anterior.
Monte Sossego arrebatou ainda os prémios de Mestre Sala, Porta-Bandeira, 2ª Dama e Rainha, e, no cômputo geral, levou vantagem de 60 pontos em relação ao segundo classificado, Vindos do Oriente, que totalizou 613 pontos.
Ao grupo Vindos do Oriente coube ainda, para além do troféu de 2º classificado, os prémios de Melhor Carro Alegórico, 2ª Dama e Rei do Carnaval 2016.
Na terceira posição classificou o grupo Cruzeiros do Norte, que somou 573 pontos, e ainda os prémios de Música do Carnaval, Rainha da Bateria e 1ª Dama.
No quarto e último lugar classificou-se o grupo Flores do Mindelo, com um total de 509 pontos.
AA/CP

Dans la même catégorie