APS LA VILLE DE TOUBA A ÉTÉ L’OBJET DE PLUSIEURS ‘’FAKE NEWS’’ À CAUSE DU CORONAVIRUS, SELON AMDY FAYE APS QUATRE PERSONNES BLESSÉES DANS UNE AGRESSION À MBELLACADIAO AGP Covid-19 : Désormais 16 cas positifs au Gabon, dont un décès APS COVID 19 : DES KITS D’HYGIÈNE D’UNE VALEUR DE 4 MILLIONS DE FRS CFA AUX POPULATIONS DE KOUNGHEUL APS COVID-19 : L’ »OFFRE ÉDUCATIVE À LA MAISON’’ DE L’OIF EST ’’SALUTAIRE’’, SELON PENDA MBOW ACI DENIS SASSOU-N’GUESSO APPELLE A LA DISCIPLINE DES CONGOLAIS FACE AU COIVID-19 AGP Covid-19 : Désormais 16 cas positifs au Gabon, dont un décès ACAP Célébration du 61e anniversaire de la mort du Président-Fondateur Barthélémy Boganda dans un contexte particulier APS CORONAVIRUS : À GUÉDIAWAYE, UNE CONTRIBUTION DE 500.000 FRANCS CFA DES MILITAIRES À LA RETRAITE APS LA CAN 1986 A SUSCITÉ L’ENGOUEMENT DES SÉNÉGALAIS POUR LE FOOTBALL (ANCIEN JOUEUR)

Secretário de Estado Pedro Lopes diz que Jump Start é “um salto” para apoiar as empresas na inovação


  17 Juin      12        Economie (8117), Entreprises (243), Photos (3857),

   

Cidade da Praia, 17 Jun (Inforpress)- O secretário de Estado para Inovação e Formação Profissional, Pedro Lopes, afirmou hoje que o Jump Start, uma iniciativa do NOSiAkademia, é um salto para apoiar as empresas na inovação a custo zero.
Pedro Lopes falava à imprensa durante o lançamento oficial do programa Jump Start, cujo objectivo é fornecer estagiários a empresas nacionais e internacionais, através do NOSiAkademia, que possam desenvolver projectos de Investigação e Desenvolvimento consoante a necessidade das mesmas.
Segundo este responsável, pretende-se com este programa atingir três objectivos como reforçar as competências digitais dos jovens através da NosiAkademia, dar as empresas a capacidade de ter jovens preparados para fazerem uma revolução empresarial na área da inovação e inserir esses jovens no mercado de trabalho.
“Este é um programa que permite que o jovem ganhe, que a empresa ganhe e que o país ganhe. O jovem aprende com um projecto novo que está a desenvolver e a empresa ganha com o jovem dinâmico que saiu da universidade e que tem a capacidade para desenvolver de forma única uma ideia. Então, estamos aqui a tentar captar os melhores para que eles possam dar o seu contributo para a área da investigação desenvolvimento e inovação para as empresas”, explicou Pedro Lopes.
O secretário de Estado para Inovação e Formação Profissional garantiu que o programa é feito a custo zero para as empresas e possibilita a integração dos jovens no mercado de trabalho. Por isso, defendeu que o lançamento da primeira edição do Jump Start serve como um repto para a adesão de outras empresas.
De acordo com a coordenadora do NOSiAkademia, Érica Andrade, de 2016 a 2018 o NOSi acolheu semestralmente de 12 a 14 estagiários. Mas o programa de estágios ganhou novas dimensões e passou a receber 24 estagiários trimestralmente graças à pareceria com instituições do Governo, como a Secretaria do Estado para Inovação e Formação Profissional, a Direcção Geral do Emprego Formação Profissional, o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) e a Pró-empresa.
CD/ZS

Dans la même catégorie