MAP Tour du Sahel de cyclisme (4è étape) : le Maroc confirme sa suprématie MAP Elections au Nigeria: L’INEC teste l’identification biométrique MAP Présidentielle au Liberia: George Weah investi par son parti pour un second mandat APS le Sénégal remporte le CHAN MAP Nigeria: Trois morts dans l’effondrement d’un immeuble à Abuja APS Kédougou : Le village de Bandafassi à l’heure du Festival des minorités ethniques APS Modernisation de l’agriculture: Macky Sall lance un programme de 85 milliards de FCFA APS Cancers: La subvention de la chimiothérapie a augmenté de 500 millions francs CFA en 2023 (officiel) APS Plus de 4000 tonnes de graines d’arachide collectées par la SONACOS dans la zone de Kaolack (DG) MAP Un médecin de l’OMS libéré dans le nord du Mali

Serviços de comunicações móveis e de telefonia fixa registam ligeiro decréscimo no último trimestre de 2018 – ARME


  15 Mai      68        Economie (17251), Technologie (780),

   

Cidade da Praia, 15 Mai (Inforpress) – Os serviços de comunicações móveis e de telefonia fixa registaram um ligeiro decréscimo no ultimo trimestre de 2018, informou esta terça-feira, a ARME, através do relatório de indicadores estatísticos do mercado das comunicações eletrónicas de Dezembro de 2018.
De acordo com o relatório dos indicadores estatísticos do mercado das comunicações electrónicas em Cabo Verde, divulgados esta terça-feira pela Agência Reguladora Multissectorial da Economia (ARME), nos últimos anos, o acesso aos serviços de comunicações electrónicas têm apresentado uma “tendência crescente”, de uma forma geral por parte da população.
No acesso às comunicações móveis, conforme avança a ARME, verifica-se uma tendência crescente durante os últimos sete anos, tendo, entretanto, sido constatado que em 2018 a tendência mudou, registando-se um pequeno decréscimo, quer no serviço de voz, quer no serviço de acesso a internet (3G).
“No final do mês de Dezembro de 2018, o serviço de telefonia fixa contava com 62.680 assinantes, correspondendo a uma taxa de penetração de 11,5 acessos por 100 habitantes, a qual corresponde a um ligeiro decréscimo de 3,5% em relação ao período homólogo do ano passado. Em relação ao terceiro trimestre de 2018 verifica-se um decréscimo de 8%”, lê-se no documento.
CM/FP

Dans la même catégorie