GNA China ready to lead global economic rebound APS L’ANER EST EN TRAIN D’INSTALLER DES MINI-CENTRALES SOLAIRES DANS LE MONDE RURAL, SELON SON DIRECTEUR GÉNÉRAL APS MALICK DAFF SE SATISFAIT DU RÉSULTAT APS KALIDOU KASSÉ EXPOSE ‘’GIS GIS BU BEES’’, SA NOUVELLE VISION PICTURALE APS COUPE DE LA CAF : LE JARAAF PREND UN LÉGER AVANTAGE LORS DE LA MANCHE ALLER ANP Maradi : Le Président Issoufou Inaugure la route Maradi-Madarounfa-frontières Nigéria ANP Niger : Le parlement adopte le statut du personnel militaire des forces Armées AIP Côte d’Ivoire-AIP/ 29 cas de COVID-19 notifiés le 28 novembre 2020 (Ministère) AIP Côte d’Ivoire-AIP/Journée internationale des droits de l’enfant: Les parents exhortés à déclarer leurs enfants à l’état civil AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Journée internationale des droits de l’enfant: Les enfants de Bouaflé exhortent leurs parents à maintenir la cohésion sociale

Sindicato dos condutores congratula-se com autorização para circulação com lotação completa mas aguarda pela suspensão dos impostos


  4 Novembre      9        Société (25395),

   

Cidade da Praia, 04 Nov (Inforpress) – O Sindicato dos Condutores Profissionais congratula-se com a medida que autoriza a circulação com lotação completa nos transportes interurbanos de passageiros, mas aguarda uma reacção do Governo em relação ao pedido de suspensão de cobrança dos impostos em 2020.

Em conversa com a Inforpress o presidente do sindicato, Domingos Tavares, lembrou que do rol das reivindicações apresentadas na sequência da paralisação do dia 19 de Outubro, constava para além da circulação com lotação completa, a suspensão da cobrança dos impostos referentes ao ano de 2020 e das senhas nos parques de estacionamento em todos concelhos de Santiago.

“A questão da lotação dos passageiros é uma medida que agradecemos, mas falta ainda responder às outras reivindicações de maior peso. Neste ano a nossa produção foi inferior a 50% derivado da pandemia. Nós pagamos muitos impostos e por isso pedimos a suspensão de todos os impostos, nomeadamente o imposto sobre o rendimento, o imposto de circulação e a própria para renovação da licença e do alvará”, especificou.

Domingos Tavares adianta que os condutores estão preocupados com o silêncio do Governo em relação às suas reivindicações já que desde o mês de Março que a classe vem somando prejuízos sobre prejuízos.

“Nós os condutores sequer fomos abrangidos pela medida de inclusão social em que foram beneficiários os rabidantes e os operadores informais e toda essa situação levou à paralisação e estamos a aguardar uma reacção do Governo”, disse.

O sindicalista realça ainda a necessidade da melhoria das condições sanitárias nos parques de estacionamento, por forma a evitar a propagação do vírus, sobretudo neste momento em que as viaturas passam a circular com lotação completa.

Desde o início da pandemia, em Março de 2020, que as viaturas dos transportes interurbanos vinham circulando com lotação parcial dos passageiros, inicialmente com a metade da lotação e depois com 75% da lotação.

Com a resolução de 31 de Outubro do Conselho de Ministros, que reduziu as restrições, as viaturas passaram a circular com a lotação completa.

MJB/ZS

Dans la même catégorie