GNA Government addressing all outstanding border issues with neighboring countries- President GNA Peace Fund launched to support the National Peace Council ANP Décès à l’hôpital de référence de Niamey du PDG de la Nigérienne de l’automobile AGP Koubia-CIVID-19 : Lancement de la compagne de vaccination accélérée contre le covid-19 GNA Ministry of Finance publishes sustainable financing framework GNA Strengthening health security will help Ghana achieve Universal Health Coverage GNA AU signs MOU with Africa Leadership Foundation GNA NCCI to hold Africa Private Sector Summit Series two in Accra INFORPRESS Presidential elections on Sunday will be followed by 140 international observers – CNE INFORPRESS President of the Republic classifies Armenio Vieira as “example” and “source of inspiration” to look for “new things”

Sociedade/Secretário de Estado da Juventude anuncia para breve aprovação da Lei Nacional do Voluntariado


  25 Juin      7        Société (36312),

   

Bissau, 25 Jun 21(ANG) – O Secretário de Estado de Juventude e Desporto anunciou hoje que está em curso a elaboração e consequente aprovação de uma estratégia de proteção e valorização da Lei Nacional do Voluntariado na Guiné-Bissau, pela Assembleia Nacional Popular (ANP)
Florentino Fernando Dias que falava na cerimónia de abertura do Worshop de Advocacia sobre a Lei do Voluntariado disse que os jovens , homens e mulheres guineenses sempre desencadearam ações nas suas comunidades, pelo que precisam de apoio financeiro para puderam fazer melhor os seus trabalhos de voluntariado.

Para Dias, um trabalho voluntário não deve ser feito em situações bastante deploráveis, devem ser criadas condições para o efeito, nomeadamente para deslocações, alimentação e outras necessidades, a fim de permitir a execução da acção sem pedir nada em troca.

Para Aissatú Forbs Djaló, presidente da Conselho Nacional de Juventude, valorizar a lei do voluntariado na Guiné-Bissau significa valorizar os trabalhos diários dos voluntários.

Aissato indicou como exemplo, os trabalhos de sensibilização no âmbito da prevenção da COVID-19, traduzidos na limpeza dos bairros, distribuição de detergentes e transmissão de informações à população por jovens voluntários.

Djaló disse esperar que a referida lei seja aprovada pelos deputados para que os jovens, quando vão arranjar um emprego que o voluntariado seja considerado como uma experiência profissional.

O Worshop sobre a lei de voluntariado é promovida pelo Instituto da Juventude, com apoio do Programa das Nações Unidas para Desenvolvimento (PNUD).

Dans la même catégorie