MAP Beach soccer:  » Mon objectif, c’est de qualifier le Maroc à la Coupe du Monde 2024  » (sélectionneur) MAP Rabat : Cérémonie en l’honneur des pugilistes marocains sacrés au championnat d’Afrique Elite et au championnat arabe Juniors GNA Ghana trains Rwandan FDA on WHO Benchmarking Tool GNA More people queue for power at Legon ECG sub-station GNA Stakeholders laud VRA for sustainable growth, impressive operational performance GNA Ghana grateful to UK for funding research into Non-Communicable Diseases GNA Mental Health Week launched in Tamale GNA Problem-solving based education curriculum is crucial for sustainable national economic growth GNA Africa’s mineral wealth remains key driver of its transformation- Ambassador Muchanga AIP Côte d’Ivoire-AIP/Des jeunes entrepreneurs formés à la digitalisation de leurs activités

UEMOA/ Guiné-Bissau regista melhoria na implementação das reformas da organização na ordem de 5,2 pontos percentuais


  29 Octobre      81        Société (39922),

   

Bissau, 29 out 20 (ANG) –A Guiné-Bissau, comparativamente a 2018, registou em 2019 melhorias na ordem de 5,2 pontos porcentuiais na implementação de reformas estabelecidas pela UEMOA.
A conclusão é da Comissão de Inspecção da União Económica Oeste Africana, cujo o relatório foi debatido recentemente, na reunião virtual anual de revisão técnica das reformas políticas, programas e projectos comunitários dos oito países membros da organização referentes ao 2019.

A comissão indicou que as taxas médias de implementação do dominio das reformas no país são de 38,7 por cento, sendo que 47,2 por cento à título da governação económica, da convergência, 28,5 por cento e 40,3 por cento – mercado comum

Segundo a comissão este acréscimo esconde as disparidades em função dos domínios avaliados, sendo que alguns registaram recuos.

A comissão reitera a necessidade de uma notificação oficial sistemática dos documentos nacionais de transposições diretivas comunitárias.

“No que concerne a realização de programas e projectos, que se relacionam com sectores de agricultura, pecuária, pesca, ambiente e água, foram verificadas fracas performances”, refere o documento.

Em relação aos projectos nas áreas do artesanato, da energia, da indústria, do turismo, das telecomunicações e das Tecnologia de Informações e Comunicação indica que registaram um desempenho que vária entre fraco e satisfatório.

Quanto ao projecto da governação económica, conforme a comissão, registou-se um desempenho médio, por razões do atraso observado no processo do seu fecho.

Por outro lado, a comissão chamou a atenção a Guiné-Bissau para acelerar os procedimentos de promulgação e publicação de textos, bem como a transposição e aplicação dos textos já traduzidos em português e validados.

A Inspecção da UEMOA recomenda que o país deve acelerar a renovação dos membros dos orgãos da Autoridade Nacional dos Concurso Publicos(ARCP) nomeadamente o Conselho de Regulação,. O Comité de Resolução dos Diferendos e proceder a noemação do secretário execituvo da ARCP.

A comissão da inspeção recomedou o reforço das medidas de controlo de projectos e a observação escrupolosa dos prazos de execução de programas e projectos comunitários em curso de execução, assim como a emissão com deligência das decisões administrativas por despachos e decretos sobre a tribuição de locia/terrenos, aos diferentes projectos promovidos pela comissão da UEMAO.

A comissão da inspeção recomendou à Comissão da UEMOA a prosseguir as concertaçãos ao nivel comunitário com outras organizações regionais (CILSS e CEDEAO) para adopção dos projectos, de acordo e os textos, velando pela adopção diligente do código de mineração comunitário.

A Inspeção exortou a Comissão da UEMOA no sentido de dar uma assistência técnica especifica à Guiné-Bissau para a transposição dos textos, bem como a implementação de projectos comunitários executados.

Recomendou a tomada de disposições para prossecução do programa de reforço de capacidades dos Estados membros, para implementação de reforços, programas e projectos comunitários e processar diligentemente pedidos de não objeção e desembolso dos fundos para melhorar os prazos de execução dos programas e dos projectos comunitarios.

Exortou igualmente a comissão da UEMAO para ter en conta a particularidade da Guiné-Bissau na determinação dos custos dos projectos e programas, para reduzir uma multiplicação dos relances na atribuição dos mercados.

Dans la même catégorie