Les travaux de réhabilitation du trésor public de M’Bahiakro arrêtés AIP La MATCA fête ses 30 ans en novembre à Abidjan AIP Des journalistes ivoiriens en Chine pour des formations et des voyages culturels GNA Roads Minister inaugurates Community Three Junction Road GNA NGO focused on empowering women through agriculture GNA Akwantufo Club aids Ekumfi Narkwa Polyclinic AGP Ligue Africaine des champions : Horoya- JS Kabylie d’Algérie ce samedi AGP Kérouané-Faits divers : Une femme meurt foudroyée ! AGP Coyah-Société : La confection de briques artisanales comme moyen de subsistance AGP Kankan : Formation des acteurs sur l’élaboration d’un plan annuel d’investissement

A forma como é tratada a natureza na Brava é “totalmente diferente” da das outras ilhas – Cármen Araújo


Cidade da Praia, 22 Ago (Inforpress) – A apresentadora da Quercus CV, Cármen Araújo, considera que a forma como é tratada a natureza na ilha da Brava é “totalmente” diferente às outras ilhas do país, o que deixa transparecer uma sensação de “ambiente mais preservada” nessa ilha.

Cármen Araújo fez essas considerações em declarações à Inforpress, a propósito de uma equipa da Quercus que se encontra na ilha pela primeira vez, com o objectivo de “entender” quais os problemas ambientais existentes na “ilha das flores” e perspectivar um programa que demonstre essas dificuldades e apresente “possíveis soluções”.

Contudo, foi adiantando que até o momento ainda não identificaram nenhum problema, mas não resistiu de fazer um “desabafo”, sublinhando que “comparando Brava com a Cidade da Praia, a diferença é enorme”.

“Não existe desorganização, fomos verificar os eventuais focos apresentados pelo presidente da câmara municipal e o que encontramos foi uma garrafa ou outra, ou alguma lata, mas nenhum amontoado de lixo”, enfatiza a apresentadora da Quercus.

MC/FP

Dans la même catégorie