APS VERS L’INTÉGRATION DE L’APPROCHE CHAMPS-ÉCOLES-PRODUCTEURS DANS LE DISPOSITIF DE L’ANCAR APS VERS L’INTÉGRATION DE L’APPROCHE CHAMPS-ÉCOLES-PRODUCTEURS DANS LE DISPOSITIF DE L’ANCAR APS DIAMBARS, UN « MODÈLE DE SPORT ET D’ÉDUCATION’’, SELON LE DG DE L’AFD APS DIAMBARS, UN « MODÈLE DE SPORT ET D’ÉDUCATION’’, SELON LE DG DE L’AFD APS DÉSENGORGEMENT DES PRISONS : UNE RÉVISION DU CODE DE PROCÉDURE PÉNALE ANNONCÉE APS DÉSENGORGEMENT DES PRISONS : UNE RÉVISION DU CODE DE PROCÉDURE PÉNALE ANNONCÉE APS INTEMPÉRIES : MACKY SALL INVITE À ‘’LA PLUS GRANDE PRUDENCE’’ ET AU ‘’RESPECT’’ DES NORMES DE SÉCURITÉ APS INTEMPÉRIES : MACKY SALL INVITE À ‘’LA PLUS GRANDE PRUDENCE’’ ET AU ‘’RESPECT’’ DES NORMES DE SÉCURITÉ APS KAFFRINE : 1.802 PME FORMALISÉES PAR LA CHAMBRE DE COMMERCE (SG) APS KAFFRINE : 1.802 PME FORMALISÉES PAR LA CHAMBRE DE COMMERCE (SG)

Adevic capacita pessoas com deficiência visual na produção de doces e compotas


  29 Octobre      6        Human Development (1291), Photos (2871), Society (11288),

   

Cidade da Praia 29 Out (Inforpress) – A Associação de Deficientes Visuais de Cabo Verde (Adevic) promove hoje uma acção de formação das pessoas com deficiência na produção de doces, compotas e licores, como forma de “proporcionar o auto-emprego” e “combater o assistencialismo”.

A informação foi avançada à Inforpress pelo presidente da Adevic, Marciano Monteiro, que explicou que a referida formação, que arranca hoje, será implementada no âmbito do projecto “Três sentidos”, que, por seu lado, visa empoderar as pessoas com deficiência visual e promover a inclusão social em Cabo Verde.

“Queremos com esta formação nãos só proporcionar o auto emprego como também arranjar a forma para terem algo para fazerem no futuro porque entendemos que temos que trabalhar para não termos que solicitar apoio sempre que for preciso”, disse, afirmando que a inclusão social só é valorizada quando as pessoas consideradas à margem da sociedade “contribuírem de alguma forma” para o desenvolvimento do país.

Conforme explicou, o projecto “Cinco sentidos” terá uma marca própria que prima pela qualidade dos produtos, tendo avançado que após a formação em doces e compotas os beneficiários irão trabalhar numa cooperativa ou a título individual para a colocação dos produtos no mercado.

CM/AA

Dans la même catégorie