GNA Trump hosts Turkish leader Erdogan at White House for bilateral talks GNA Australia fires: Firefighting chopper crashes during water-drop mission AGP Gabon : 30 agents de l’ANPI et des administrations partenaires en formation à Libreville AGP Francis Nkéa Ndzigue représente le Gabon à la 3ème édition du Forum international francophone de l’évaluation AGP Francis Nkéa Ndzigue représente le Gabon à la 3ème édition du Forum international francophone de l’évaluation ACP Le Président Félix Tshisekedi appelle à une coalition mondiale des forces pour lutter contre le terrorisme ANGOP UNITA denounces sabotage against president initiatives ACP Le ministre de l’Agriculture pour une coordination efficiente des projets agricoles par les bailleurs du secteur agricole ACP 15 millions d’euros de la France pour accompagner la gratuité de l’enseignement en RDC AGP Guinée/Santé : Vers une campagne de vaccination contre la rougeole (ANSS)

Governo são-tomense requalifica cidade capital com apoio da Holanda e Banco Europeu


  14 Février      0       

   

São-Tomé, 14 Fev. (STP-Pres ) –  O governo são-tomense procedeu quarta-feira o lançamento oficial do projecto de requalificação  e valorização  da marginal da capital de São-Tomé avaliado em cerca de 21 milhões de dólares cofinanciado pelo governo da Holanda, Banco Europeia de Investimento e o Banco Mundial.

Além da presença do ministro das Obras Públicas, Infraestruturas, Recursos Naturais e Ambiente, Osvaldo d’Abreu a cerimónia contou com presença de representes do Executivo da Holanda, do Banco Europeu de Investimento, do Banco Mundial e responsáveis superiores do ministério que tutela o projecto.

O projecto visa essencialmente a requalificação de toda a marginal da capital de São Tomé de aeroporto internacional à localidade de Pantufo compreendendo fundamentalmente, reabilitação, ampliação e modernização de estradas, passeios e jardins bem como a construção de novos pavimentos e algumas infraestruturas adjacentes visando a modernização da cidade .

Além da protecção de toda costa da marginal contra a erosão, através de quebra ondas com barreira contra as águas marítimas, o projecto contempla ainda outras alterações e inovações infraestruturais, sobretudo, de índole turística com a montagem de pitas específicas para circulação de peões, ciclistas, motociclistas bem como para a prática de desporto.

De acordo com as explicações do director-geral do Ambiente, Arlindo de Carvalho, se tudo correr como previsto as obras poderão ter inicio ainda no final do ano em curso logo após a fase da conclusão dos estudos de engenheira de todas as obras a serem executadas.

Fim/RN

Dans la même catégorie