AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Deux individus interpellés pour vente et consommation de drogues dans un fumoir à Zuénoula. AIP Côte d’Ivoire/ Une panne électrique endeuille la fête de l’indépendance à Zatta AIP Côte d’Ivoire – AIP / Le préfet de Korhogo salue les actions gouvernement en faveur de ses administrés AIP Côte d’Ivoire-AIP/ An 60 de l’indépendance : Duffrebo rend hommage aux forces de défense et de sécurité AIP Côte d’Ivoire-AIP/ An 60 de l’indépendance : Duffrebo rend hommage aux forces de défense et de sécurité GNA 886 athletes cleared for YEA allowance package GNA GHS, World Vision take steps to mitigate COVID-19 infections among mortuary workers GNA Afadzato South EC captures 35,240 voters in District Electoral Register GNA NiPDA inaugurates first market facility for the District APS UN ACCIDENT DE LA ROUTE FAIT DEUX MORTS À ZIGUINCHOR

Governo são-tomense requalifica cidade capital com apoio da Holanda e Banco Europeu


  14 Février      0        Economy (8369), Finance (368),

   

São-Tomé, 14 Fev. (STP-Pres ) –  O governo são-tomense procedeu quarta-feira o lançamento oficial do projecto de requalificação  e valorização  da marginal da capital de São-Tomé avaliado em cerca de 21 milhões de dólares cofinanciado pelo governo da Holanda, Banco Europeia de Investimento e o Banco Mundial.

Além da presença do ministro das Obras Públicas, Infraestruturas, Recursos Naturais e Ambiente, Osvaldo d’Abreu a cerimónia contou com presença de representes do Executivo da Holanda, do Banco Europeu de Investimento, do Banco Mundial e responsáveis superiores do ministério que tutela o projecto.

O projecto visa essencialmente a requalificação de toda a marginal da capital de São Tomé de aeroporto internacional à localidade de Pantufo compreendendo fundamentalmente, reabilitação, ampliação e modernização de estradas, passeios e jardins bem como a construção de novos pavimentos e algumas infraestruturas adjacentes visando a modernização da cidade .

Além da protecção de toda costa da marginal contra a erosão, através de quebra ondas com barreira contra as águas marítimas, o projecto contempla ainda outras alterações e inovações infraestruturais, sobretudo, de índole turística com a montagem de pitas específicas para circulação de peões, ciclistas, motociclistas bem como para a prática de desporto.

De acordo com as explicações do director-geral do Ambiente, Arlindo de Carvalho, se tudo correr como previsto as obras poderão ter inicio ainda no final do ano em curso logo após a fase da conclusão dos estudos de engenheira de todas as obras a serem executadas.

Fim/RN

Dans la même catégorie