ATOP L’ONG « DIRECT-AID » OFFRE UN FORAGE AU LYCEE DE LEGBASSITO ATOP L’ONG « DIRECT-AID » OFFRE UN FORAGE AU LYCEE DE LEGBASSITO ATOP ELABORATION ET GESTION DE PROJETS DE DEVELOPPEMENT LOCAL : DES RESPONSABLES DES ORGANISATIONS DE JEUNES FORMES ATOP ELABORATION ET GESTION DE PROJETS DE DEVELOPPEMENT LOCAL : DES RESPONSABLES DES ORGANISATIONS DE JEUNES FORMES ATOP Le ProDeGoL SOUTIENT LES EFFORTS DE DYNAMISATION DE LA FAITIERE DES COMMUNES DU TOGO ATOP Le ProDeGoL SOUTIENT LES EFFORTS DE DYNAMISATION DE LA FAITIERE DES COMMUNES DU TOGO ATOP LE CHEF DE L’ETAT A INAUGURE LA CENTRALE SOLAIRE PHOTOVOLTAÏQUE « SHEIKH MOHAMED BINZAYED » DE BLITTA ATOP LE CHEF DE L’ETAT A INAUGURE LA CENTRALE SOLAIRE PHOTOVOLTAÏQUE « SHEIKH MOHAMED BINZAYED » DE BLITTA INFORPRESS São Vicente: Projecto de documentário “Leite de Tribunal” seleccionado para o MiradasAfro INFORPRESS São Vicente: Projecto de documentário “Leite de Tribunal” seleccionado para o MiradasAfro

Futebol: CAN´2021: Rui Águas acha “estranho” Cabo Verde estar no grupo do país organizador da fase final


  23 Juillet      4        Sport (5519),

   

Cidade da Praia, 23 Jul (Inforpress) – O seleccionador nacional de futebol, Rui Águas, classificou esta segunda-feira, na Cidade da Praia, de “estranho” o grupo de Cabo Verde para o CAN`2021, pelo facto do país organizador da fase final, os Camarões”, ser um dos integrantes.
“Não é uma coisa normal e que seja boa para a competição, esperamos que não seja um problema, mas não faz sentido”, reagiu assim Rui Águas ao fazer a avaliação do sorteio de qualificação para o CAN 2021, que colocou Cabo Verde no Grupo F, juntamente com Camarões, país que vai organizar a fase final.
“É um bocadinho estranho olhar para este grupo e perceber que os Camarões podem, de repente, ficar em terceiro e só haver um lugar nos dois primeiros, o que é uma coisa que não encontro sentido”, explicou Rui Águas.
Após essas constatações, Rui Águas, que falava aos jornalistas, à margem do treino da selecção dos jogadores residentes, disse que os adversários são de “respeitar”, lembrando que Cabo Verde falhou recentemente uma qualificação onde, à partida, considerava que poderia ter feito melhor.
OM/JMV

Dans la même catégorie