ANG Acordo parcial entre Washington e Pequim ANG “Guiné-Bissau está pronta para promover Estado de Direito”, diz DSP ANG Eleitores definem terça-feira novo panorama político INFORPRESS Macau International Fair: Cabo Verde participates with 22 private companies INFORPRESS Torneio de futebol Leader Cup é um “exemplo” no combate ao alcoolismo – Manuel Faustino INFORPRESS Santo Antão: Pólo universitário em 2020 para atender um dos desafios de desenvolvimento da ilha – autarca INFORPRESS Projecto turístico Rotas da Carne é um investimento útil para Santa Cruz – primeiro-ministro INFORPRESS Porto Novo recebe investimentos privados nas pescas à volta de 70 mil contos INFORPRESS Futebol/Santo Antão – Sul: Os clubes têm até terça-feira para confirmar presença nas provas esta temporada INFORPRESS Fundação Smart City espera contribuição das pessoas na construção de cidades inteligentes no arquipélago

Qualificação CHAN’2020: Jogadores residentes “apostados em fazer história para Cabo Verde”


  26 Juillet      11        Sport (2563),

   

Cidade da Praia, 26 Jul. (Inforpress) – Os jogadores da selecção cabo-verdiana de futebol residentes estão com a expectativa e motivação bem altas, focados na vitória deste sábado no Estádio Nacional, diante da Mauritânia, e apostados em fazer história para Cabo Verde.
Durante mais uma sessão do treino, por sinal o último, para o jogo inaugural desta eliminatória, Lache, um dos capitães da selecção residente, disse que pelo facto de jogar em casa, o combinado crioulo tem estado a trabalhar um sistema muito ofensivo, mas concentrado para defender com a máxima cautela a sua baliza.
“Uma eliminatória a duas mãos exige, acima de tudo, um jogo com muita inteligência. Vai depender do momento do jogo e da forma como a equipa consiga dar a sua réplica”, especificou Lache, para quem a equipa nacional terá de fazer valer a máxima “em casa mandamos nós”.
Nesta sua terceira passagem pela selecção residente, Lache assegurou que se sente perfeitamente integrado, livre de qualquer pressão ou “stress” e com vontade para dar o seu máximo, para poder ajudar Cabo Verde, com o argumento que o colectivo é formado por jogadores jovens, ambiciosos em grandes voos e orgulhosos em representar a selecção nacional.

Dans la même catégorie