INFORPRESS APMUID goes to Santa Cruz to celebrate anniversary and to listen to the problems of women with disabilities in the county INFORPRESS Ulisses Correia underlines government’s “firm will” to overcome challenges of Cabo Verdean Armed Forces INFORPRESS Santo Antão: Jorge Santos urges municipalities to continue the fight for regionalization INFORPRESS PAICV accuses Government of “forcing underemployment” by creating internships INFORPRESS Music: JMN said that if morna is Intangible Cultural Heritage it was because Cesaria took her to the main stages of the world INFORPRESS Cabo Verde will have kidney transplant law – Minister of Health announces INFORPRESS Bad Agricultural Year: “Government has not yet mobilized all funding,” Minister APS LES JOJ 2022, UNE CHANCE POUR LA RECONSTRUCTION DE L’ÉLITE SPORTIVE (DIA BA) APS LES JOJ 2022, UNE CHANCE POUR LA RECONSTRUCTION DE L’ÉLITE SPORTIVE (DIA BA) AIP Les chauffeurs de taxis communaux de Yopougon suspendent leur grève

Futebol/Boa Vista: Onze Estrelas coloca no mercado produtos para divulgar a imagem


  1 Août      0        Economy (6502), Sport (2634),

   

O clube Onze Estrelas da Bofareira já tem no mercado produtos para divulgar a imagem e criar a sua auto-sustentabilidade, informou um dos mentores do projecto, Valnir Morais.

Como efeito, segundo mesma fonte, já se encontram na ilha alguns objectos para venda, com o fito de divulgar a imagem através da marca do clube.

Para além dessa acção de marketing, conforme explicou Valnir Morais pretende-se criar uma fonte de sustentabilidade e rendimento para o clube que foi campeão regional de futebol na época 2018/19.

Para Valnir Morais, que é também futebolista do clube, quando as pessoas adquirirem um chapéu, um pen drives, um porta-chaves ou um colar, produtos que lhes servirão no dia-a-dia, vão também exportar a imagem da zona Bafareira e da ilha além-fronteiras.

A ideia é que além de rentabilizar a marca e a instituição em si estaremos a abrir a porta para conseguir outros patrocínios, chegar a outros patamares”, lançou a mesma fonte, que informou que os preços dos produtos “serão simbólicos”, tendo em conta que por agora se vai vender para salvaguardar o custo da produção, para mais tarde garantir algum lucro para o clube.

Segundo avançou este rendimento arrecadado será para ajudar a pagar as despesas de transporte e alimentação, durante época, lavagem de equipamentos, entre outras necessárias para o dia-a-dia de um clube.

Dans la même catégorie