GNA Kingsley Makelby Ministries gives to patients in UER hospital AIP Côte d’Ivoire-AIP/Covid-19 : Des cadres et élus du Tonkpi offrent des kits pour accompagner les efforts du gouvernement AIP Côte d’Ivoire-AIP/ COVID-19 : Des kits sanitaires remis à des sous-préfectures de Bondoukou pour lutter contre la pandémie GNA COVID-19: Release more petty offenders, aged and the sick from prison -Foundation AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Plusieurs villages de Bondoukou reçoivent des kits sanitaires pour lutter contre le Coronavirus APS COVID-19 : LE MINISTRE DE L’AGRICULTURE ANNONCE UNE STRATÉGIE DE SÉCURITÉ ALIMENTAIRE GNA Quarantine travellers at UE borders – NDC APS COVID-19 : MACKY SALL REMERCIE TOUTES LES FORCES VIVES PAYS APS LUTTE CONTRE LE COVID-19 : LE CONIPAS APPUIE ‘’SANS RÉSERVE’’ LES DÉCISIONS PRÉSIDENTIELLES GNA Ghana’s COVID-19 confirmed cases now 141

Obras do “Parque de Diversões 5 de Julho” executadas em 80% e abertura prevista para este ano – directora-geral


  1 Août      5        Society (14515),

   

Cidade da Praia, 01 Ago (Inforpress) – A directora-geral do “Parque de Diversões 5 de Julho” revelou hoje que as obras estão executadas em 80%, lamentando que a existência de “muitas questões burocráticas” tem condicionado a abertura do espaço marcada para este ano.

Em declarações à Inforpress, Alícia Alves afiançou que as obras decorrem a bom ritmo estando a decorrer acções de formação com vista a preparar e dotar a equipa que irá trabalhar no parque de diversões de instrumentos necessários para garantir o seu bom funcionamento. “Neste momento, as obras estão realizadas em 80% e faltam 20% que corresponde a basicamente, tudo o que deverá ser feito para a conclusão dos trabalhos em termos de licenças. Estão a decorrer acções de formação de atendimento ao público, aulas de Inglês, tratamento de água e limpeza de piscina, já concluímos a formação de nadadores e salvadores, e teremos também formação em primeiros socorros”, indicou.

Conforme ajuntou, faltam concluir as obras das piscinas que, devido a constrangimentos no que se refere a existência de árvores perto da área que estavam a dificultar a realização de pintura e o retoque nos brinquedos e materiais não foi possível garantir o seu término a curto prazo. Outra aspecto que, segundo a directora-geral do “Parque de Diversões 5 de Julho” falta resolver tem a ver com o acesso à entrada principal do espaço e parque de estacionamento, que fica na área onde a Câmara da Praia tem destinada para o estacionamento de ‘hiaces’.

Adiantou, contudo, que a autarquia já garantiu que até a abertura do parque de diversões a área estará desocupada. O “Parque de Diversões 5 de Julho”, no entender desta responsável, é um “grande projecto” criado para as pessoas de toda a ilha de Santiago, avançando, por outro lado, que pretendem estabelecer acordos de parceria com agências de viagens, transportes marítimos e aéreos do país para permitir que pessoas de outras ilhas possam desfrutar dos serviços do espaço.

CM/CP

Dans la même catégorie