MAP Réunion de l’UA sur le Covid-19 : Le Maroc s’engage sur le plan africain AIP Des populations bénéficiaires des filets sociaux reçoivent leurs portables AIP Un vendeur ambulant écope de cinq ans de prison pour tentative de viol d’une élève AIP Des feux de brousse causent des interruptions de l’électricité à Tiébissou, Didiévi et Kouassi-Kouassikro AIP Les coordinations communales et sous-préfectorales du RHDP de Boundiali 2 investies GNA Alhassan Hamza Akoligo adjudged winner of McDan Entrepreneurship Challenge GNA Komla Dumor Foundation launches two books GNA Aburi Craft Village appeals for removal of non-tariff barriers GNA We want to bridge the gap between the abled and disabled – DCE GNA Prof. Owusu-Sekyere inducted Vice Chancellor of CCTU

São Vicente: Edição 2020 do Festival Baía das Gatas marcada para dias 14, 15 e 16 de Agosto


  17 Janvier      2       

   

Praia, 17 Jan (Inforpress) – A Câmara Municipal de São Vicente anunciou quinta-feira os dias 14, 15 e 16 de Agosto como data para a realização da 36ª edição do Festival Internacional de Música da Baía das Gatas.

O certame, de acordo com informações disponibilizadas na página oficial do Facebook da autarquia, decorre na praia da Baía das Gatas, a oito quilómetros do centro do Mindelo.

A divulgação da data, a sete meses do evento, deve-se, de acordo com a mesma fonte, ao facto de os emigrantes e o público em geral poderem organizar, com antecedência, as suas férias e compromissos  por altura do festival.

A Baía das Gatas, tida por “local mágico por natureza”, recebe anualmente, em Agosto, um festival de música que movimenta São Vicente nos planos artístico, festivo, humano e económico.

O festival teve a sua primeira edição no dia 18 de Agosto de 1984, é realizado anualmente na praia da Baía das Gatas, e desde aquela data apenas em 1995 não se realizou, devido a uma epidemia de cólera que assolou Cabo Verde.

Anualmente, a Câmara Municipal de São Vicente, que organiza o evento, reserva uma verba no orçamento municipal para fazer face às despesas com a logística, viagens e cachê de artistas de Cabo Verde e do estrangeiro, sendo certo que o grosso do montante para suportar o evento, de acordo com a autarquia, provém de patrocínios de empresas.

Dans la même catégorie