GNA WANEP, NPC launch National Election Response Group GNA Nayiri honours Vice President’s Secretary with a traditional title GNA Ministry of Zongo Development launches second phase of Arabic Instructors Programme GNA Nurses resume work after three-days strike GNA AMA Chief Executive lauds Bloomberg Philanthropies for extending road safety project GNA EC urged to publish names of defective ID cards on website GNA Editors declare support for “Zero Malaria Start with Me Now” campaign GNA Nurses and Midwives in Takoradi back to work APS DOUANES : UNE ÉCOLE DE FORMATION EN GESTATION À SANDIARA APS ZONE CENTRE : 4, 5 TONNES DE CHANVRE INDIENS SAISIS DEPUIS LE DÉBUT DE L’ANNÉE (DOUANIER)

Ministro da Saúde destaca importância da Uni-CV na promoção da investigação e saúde


  8 Juillet      11        Society (19385),

   

Cidade da Praia, 08 Jul (Inforpress) – O ministro da Saúde e da Segurança Social, Arlindo do Rosário, destacou hoje o papel fundamental que a Universidade de Cabo Verde (Uni-CV) desempenha na promoção da investigação e saúde no País.
O governante fez estas declarações à margem da cerimónia de assinatura do protocolo de cooperação entre o Ministério da Saúde e a Universidade de Cabo Verde, realizada esta terça-feira, na Cidade da Praia.
O referido protocolo tem por objecto a cooperação técnica e institucional entre as duas, instituições em matéria de promoção e protecção da saúde, investigação, formação, bem como em situações de emergências em saúde pública.
Para Arlindo do Rosário, esta parceria é um passo importante na promoção da investigação, realçando que a Uni-CV tem competências importantes do ponto de vista técnico para apoiar o Ministério da Saúde no alcance deste objectivo.
“É fundamental que Cabo Verde, cada vez mais, tenha uma agenda de investigação que ultrapassa o sector da saúde. É mais um passo nessa parceria necessária e fundamental para promover a investigação e, neste sentido, a Uni-CV e as universidades de uma forma geral, têm um papel fundamental nesse processo”, declarou.
Para o responsável pela pasta da Saúde, tendo em conta o contexto actual da pandemia do novo coronavírus, com impactos negativos no sector da saúde, o engajamento de todos é importante para que Cabo Verde possa vencer a luta contra a covid-19.
Por seu turno, a reitora da Universidade de Cabo verde, Judite Nascimento, reafirmou o compromisso da referida instituição em colaborar com o Ministério da Saúde na concretização dos objectivos preconizados, nomeadamente o Plano Nacional de Desenvolvimento Sustentável e os Objectivos 2030.
Conforme lembrou, através da Uni-CV, será possível Cabo Verde conseguir formar médicos no território nacional, um ganho que, no seu entender, representa a valorização do sistema de educação e ensino superior em Cabo Verde e a valorização do perfil dos quadros do Serviço Nacional da Saúde.
“Este protocolo é importantíssimo, porque permitirá formalizar uma relação que já existe e salvaguardar a implementação do primeiro sexto ano de um curso de medicina em Cabo Verde e que terá que ser implementado em cooperação com o Ministério da Saúde, os hospitais e os centros de saúde”, ressalvou.
Por sua vez, a presidente do Instituto Nacional da Saúde Pública (INSP), Maria da Luz Mendonça, congratulou-se com o reforço da parceria entre as suas instituições, afiançando que irão trabalhar articuladamente para a implementação do referido protocolo.
Destacou, por outro lado, a afirmação do INSP como instituição de referência no panorama sanitário internacional, apontando o sector da saúde como um dos pilares essenciais para o desenvolvimento nacional.

Dans la même catégorie