ACAP Le président Touadéra lance les travaux de construction d’une base logistique pour l’armée centrafricaine AGP Boké-circulation : La voirie urbaine dans un état de dégradation poussée ! AGP Guinée forestière : la circulation routière interrompue entre Yomou et Nzérékoré AGP Boké-Education : Le Ministre des Mines Offre des cadeaux aux lauréats des examens nationaux AGP Boké : la 2ème édition du FOJEK parle du Développement Communautaire et la création des richesses GNA MMDAs urged to take keen interest in the success of GPSNP GNA Government to upgrade Binaba Health Centre to PolyClinic GNA Bank of Ghana revokes licences of 23 Savings and Loans Companies APS Le retard des pluies ’’ne va pas considérablement affecter l’hivernage’’ (ministre) MAP Somalie : Quatre terroristes d’Al-Shabaab, dont une femme, abattus à Mogadiscio (police)

Santo Antão: Dois artistas plásticos santantonenses numa exposição conjunta em Espanha


   

Cidade da Praia, 19 Mar (Inforpress) – Os artistas plásticos santantonenses Eduardo Bentub e Jailson Lima participam, em Alcázar de San Juan, Espanha, numa exposição produzida pela Direcção Internacional do festival Sete Sóis Sete Luas (SSSL), com inauguração marcada para 30 de Março.
Trata-se de uma exposição internacional itinerante de pequeno formato intitulada “Sancho el Quijote & Quijote el Sancho” e apresenta obras de mais de 50 artistas internacionais que já participaram nas actividades dos Centrum SSSL.
Cada artista participa com uma obra inspirada nos temas do livro “Dom Quixote y Sancho Panza: a loucura idealista, a utopia, as suas aventuras errantes, as paisagens ‘cervantinas’ e tudo o que se pode relacionar com o famoso romance de Miguel de Cervantes”, conforme se lê na carta/convite enviada aos artistas.
Esta exposição será inaugurada no dia 30 de Março de 2019 no Museu Municipal de Alcázar de San Juan (Castilla – La Mancha, Espanha), por ocasião do XVIII Encontro das Cidades do Festival SSSL com a participação dos representantes das instituições das 30 cidades onde se realiza o Festival (Brasil, Cabo Verde, Croácia, França, Eslovénia, Espanha, Itália, Marrocos, Portugal e Tunísia).
De acordo com a organização “Alcázar de San Juan é uma cidade ‘cervantina’ por excelência, porque se pensa que lá nasceu o grande Miguel de Cervantes”.
Em declarações à Inforpress, via Skype a partir da Eslovénia onde reside, Eduardo Bentub disse que outros artistas plásticos cabo-verdianos foram convidados, nomeadamente, Tchalé Figueira, Nitú Alves e Barreto embora não saiba se enviaram ou não os seus trabalhos.
HF/ZS

Dans la même catégorie