MAP Accra: La Cédéao décide de maintenir la suspension de la Guinée de toutes ses instances et réclame la tenue des élections dans un délai de six mois (Communiqué) MAP Neuf civils tués dans une frappe aérienne au Nigeria (officiel) MAP Guinée: fin du premier épisode du virus de Marburg en Afrique de l’Ouest (OMS) MAP Le gouvernement éthiopien appelle à une action immédiate pour ramener une centaine de camions pas revenus du Tigray GNA ASF Outbreak: Over 200 pigs dead, seven farms affected GNA Felix Annan ends 10-year stay with Kotoko APS AFROBASKET 2021 : LES LIONNES ENTRENT EN LICE FACE À LA GUINÉE, SAMEDI APS CORONAVIRUS : 01 DÉCÈS ET 26 NOUVELLES INFECTIONS ANNONCÉS INFORPRESS São Vicente: Presidente da UCID volta a apelar para mudança de medida de coacção de Amadeu Oliveira “que está doente” INFORPRESS Futebol: Cabo Verde mantém-se no 77º lugar do ranking da FIFA

Arlindo Mendes lança livro “Ritual de Apanha de Espírito em Santiago de Cabo Verde”


  14 Septembre      87        Livres (167),

   

Praia, 14 Set (Inforpress) – O escritor cabo-verdiano Arlindo Mendes lança hoje, na Livraria Pedro Cardoso, o livro “Ritual de Apanha de Espírito em Santiago de Cabo Verde”, obra que será apresentada pelo artista Gil Moreira e pelo professor Adilson Semedo.

Segundo uma nota da Livraria Pedro Cardoso, que detém a chancela da obra, o livro tem como um dos propósitos compreender os contornos que envolvem o ritual de “apanha de espírito”, no seu sentido simbólico, no quadro dos rituais mortuários e no universo sociocultural santiaguense.

O livro pretende “contribuir para a identificação, catalogação, conhecimento, promoção e valorização dos aspectos basilares das crenças ligadas às práticas funerárias e aos seus reflexos na vida familiar e à quotidianidade dos actores rituais santiaguenses,” lê-se no documento.

Com este ensaio, pretende-se ainda “alumiar” a importância da história oral, evidenciar as tradições e resgatar os valores e as manifestações culturais, transmitidas oral ou gestualmente, de geração em geração, a fim de contribuir para a promoção da memória colectiva e preservação dos traços identitários.

Dans la même catégorie